Durante a noite da última segunda-feira (27), ocasião em que foi exibida a grande final do "Big Brother Brasil 20", a médica Marcela Mc Gowan aproveitou a ocasião para fazer uma retrospectiva da sua trajetória e também para desabafar a respeito da sua participação no reality show da Globo.

A médica chegou a dar uma entrevista para revista Vogue e comentou que não tem a menor dúvida de que aceitaria participar novamente dessa experiência. Ainda durante a entrevista citada anteriormente, Marcela afirmou que se pudesse voltar no tempo, tentaria se posicionar de forma mais firme no "BBB20".

Ao explicar os seus motivos para dizer isso, a ex-BBB destacou que sente ter se escondido do jogo por ter percebido que ele era algo muito maior do que ela imaginava antes de ser confinada.

Além disso, Marcela chegou a afirmar que não é uma pessoa naturalmente competitiva e que age movida pelo seu coração muito mais do que pela razão.

Também durante a sua entrevista a Vogue, Marcela Mc Gowan destacou que se deixar levar por suas emoções foi algo que lhe prejudicou no Big Brother Brasil 20 e fez com que ela se escondesse de jogar através do afeto que sentia por algumas pessoas, de forma que ela acabou ignorando várias coisas que aconteceram ao seu redor ao longo da temporada e se prejudicando por isso.

Demissão para participar do 'BBB20'

Ainda durante a sua entrevista, Marcela falou sobre as mudanças que entrar no reality show provocaram em sua vida. A médica chegou a pedir demissão de três empregos para conseguir viver essa experiência.

Entretanto, ela destacou que isso valeu a pena para viver o reality show, algo que era um dos seus sonhos antigos.

Ao comentar sobre o sonho de participar do BBB, Marcela chegou a declarar que se inscreveu pela primeira vez no ano de 2010 e chegou a participar de toda a seleção, mas acabou não integrando o elenco da temporada. Assim, ela decidiu se inscrever novamente em 2020 e acabou conseguindo entrar no programa.

É possível afirmar que a médica chegou a ser favorita ao prêmio ainda nas primeiras semanas do confinamento. Entretanto, após a entrada de Daniel Lenhardt no programa, esse favoritismo acabou desaparecendo.

Ao comentar sobre isso, entretanto, Marcela afirmou que não colocou nenhum tipo de estratégia em prática e viveu o que sentiu vontade, de forma que seria impossível para ela sustentar o favoritismo de qualquer maneira.

De acordo com a médica, caso não fossem os erros que ela cometeu, outros teriam acontecido e ela acabaria sendo eliminada do programa e julgada pelo público.

Não perca a nossa página no Facebook!