Ainda na última quinta-feira (23), o hipnólogo Pyong Lee usou as suas redes sociais para contar que ele e a sua família, composta por sua esposa Sammy e o seu filho Jake, estão à procura de uma nova casa e que pretendem se mudar assim que conseguirem encontrá-la.

De acordo com informações obtidas por meio do site UOL TV e Famosos, atualmente Pyong e sua família vivem em um apartamento com pé-direito duplo. Na filmagem na qual o hipnólogo e Sammy aparecem contando sobre os seus planos de mudança, eles afirmaram que já sabem exatamente o tipo de casa que estão procurando.

Ainda durante o vídeo, o casal Lee chegou a afirmar que já chegou a visitar algumas casas para tentar escolher o seu novo lar.

Entretanto, eles fizeram questão de destacar que respeitaram todas as indicações necessárias para evitar o contágio do novo coronavírus durante essas visitas.

De acordo com Sammy Lee, os dois estão sempre correndo para conseguir encontrar a sua casa, mas não deixam de se cuidar. A influenciadora digital destacou que tanto ela quanto Pyong estão sempre com álcool gel, luva e máscaras a postos durante as suas visitas.

Posteriormente, ela relatou que na quinta-feira os dois estiveram em duas casas que possuem potencial para se tornar o seu novo lar e algumas possuem até elevador. Depois, Sammy revelou que os dois vão decidir em breve para qual das casas vão se mudar, mas que esperarão a quarentena acabar para fazer isso.

Ainda durante o vídeo em questão, Pyong chegou a afirmar que os dois estão tomando tanto cuidado durante as suas visitas que chegaram até mesmo a usar as “touquinhas” de proteção para os pés.

Pyong Lee revela ser milionário

Após a sua passagem pelo "Big Brother Brasil 20", Pyong Lee chegou a conceder uma entrevista para a jornalista Patrícia Kogut, do jornal O Globo. Durante a entrevista, ele alegou ser milionário e contou um pouco da sua trajetória até o sucesso.

Na entrevista, Pyong destacou que começou a trabalhar ainda nas ruas, em locais variados e quando tinha apenas 12 anos de idade.

Além disso, o ex-BBB afirmou que chegou a ser office boy em uma empresa e destacou que, após 15 anos de trabalho, ele finalmente poderia dizer que já era um milionário.

Pouco depois da sua saída do "Big Brother Brasil", ainda na oitava semana de confinamento, o hipnólogo chegou a ter a sua conta bancária discutida por participantes do programa. Na ocasião citada, a advogada Gizelly Bicalho chegou a afirmar que ele não precisava vencer o programa por já ser muito rico.

Posteriormente, ela foi confrontada pelas suas falas e chegou a negar que havia falado com esse sentido, mas sim que quis dizer que ele ficaria bem de qualquer forma.

Não perca a nossa página no Facebook!