Andressa Urach irá realizar a mais nova estreia das telinhas brasileiras, o programa denominado "Diário de Uma Ex-Garota de Programa", nesta terça-feira (12), que será realizado em uma plataforma evangélica de modo online. Na atração, a influenciadora realizará entrevistas com mulheres que deixaram de lado a vida da prostituição.

De acordo com Andressa Urach, o ato de se prostituir pode ser assemelhado como uma areia movediça que, aos poucos, a pessoa vai se afundando e, quando menos percebe, não consegue sair de tal situação, sendo incapaz de realizar outras coisas e, de modo gradual, se matando.

A ex-modelo continua dizendo que diversas mulheres que exercem programas exibem pensamentos depressivos, sendo alvo do desprezo da sociedade e se vendo desacreditada pelos familiares. Andressa ainda ressalta que, apenas aqueles que estão dentro da prostituição são capazes de compreender o grande fundo do poço que isso mostra ser, mutilando sua própria alma.

Andressa Urach decidiu deixar a vida de garota de programa após se ver diante de uma infecção no bumbum e na coxa, quase ver sua vida sendo ceifada. A influenciadora, durante o ano de 2014, havia aplicado hidrogel em seu corpo, não tendo o resultado que acreditava ganhar.

Andressa Urach, agora, decidiu abraçar a vida evangélica, afirmando com unhas e dentes que o ato de se prostituir é algo considerado normal dentro do mundo artístico.

Urach afirma que é algo comum ver musas dos carnavais, modelos e celebridades se adentrando nos atos de prostituição, seja de forma direta ou indireta.

De acordo com ela, muitas dessas mulheres se submetem a tal vida para poder ter uma melhor condição e adquirir bolsas e sapatos. A evangélica ressalta ainda ter vivido tais momentos, afirmando, ainda, que as redes sociais do mundo artístico se mostra uma enorme mentira.

Urach diz que as mulheres vivem de modo ilusório, ainda mais se tratando do dinheiro sujo que é ganho pela prostituição.

Dinheiro

Em relação ao dinheiro que adquiriu se submetendo a ser uma garota de programa, a evangélica disse para a revista Quem que, nos tempos atuais, não carrega nenhum tipo de herança que adquiriu em seu passado.

Urach afirma que já saiu com milhares de homens, com a inclusão de criminosos.

Não parando por aí, ela ainda diz que doou tudo, deixando de lado o peso de levar o dinheiro sujo em suas costas. Hoje, ela vive com o dinheiro das vendas de seus livros e do trabalho que está exercendo atualmente. Ao ser indagada sobre a quem deu o dinheiro, ela afirma que não devemos divulgar quando realizamos uma doação, finalizando ao dizer que Deus sabe para quem foi e apenas isso importa.

Quando estava envolvida com o mundo da prostituição, Andressa Urach o defendia com unhas e dentes, lutando para sua legalização, pois o enxergava como uma profissão. "Hoje eu tenho nojo da prostituição", disse.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!