Durante a sua participação no programa "Conversa com o Bial", exibido pela Globo na madrugada de terça-feira (19), a apresentadora Glória Maria falou pela primeira vez a respeito da cirurgia que fez recentemente no cérebro.

Na entrevista em questão, Glória comentou sobre alguns detalhes dos últimos meses da sua vida desde que descobriu a respeito do tumor e também falou sobre o falecimento de sua mãe, Edna, ocorrido ainda no mês de fevereiro, destacando que não conseguia chorar. De acordo com a apresentadora, quando se tem uma “dor desesperadora” é impossível derramar uma lágrima sequer.

Afastada da TV desde 2019, ocasião em que precisou se recuperar da cirurgia, Glória Maria também comentou sobre a imprevisibilidade do ano de 2020, destacando que ela já estava vulnerável desde a descoberta do tumor, momento que não consegue esquecer de forma alguma.

Sobre a descoberta em questão, Glória destacou que, de início, chegou a cogitar a possibilidade que os seus exames tivessem sido trocados com os de outra pessoa.

Entretanto, após descobrir que estava mesmo doente, a apresentadora destacou que não conseguiu chorar, mas apenas deu início ao tratamento necessário para vencer a doença e relatou um dos momentos que viveu durante esse período. Na ocasião, a apresentadora afirma que pegou o seu telefone e pediu para ser gravada em tratamento, visto que ela não sabia se conseguiria sobreviver à doença.

Apesar dos temores de Glória Maria, a sua resposta ao tratamento foi positiva e, atualmente, ela está terminando a fase de imunoterapia. Porém, ela acabou perdendo sua mãe nesse período e ela sequer sabia pelo que a filha estava passando.

É possível afirmar que o falecimento de Edna pegou a todos de surpresa. Ela começou a passar mal ainda na época do Carnaval e apresentou insuficiência respiratória. Na ocasião citada, a mãe de Glória Maria chegou a ser encaminhada ao hospital, mas acabou não resistindo e faleceu no meio do caminho.

Glória Maria faz balanço com a sua vida

Durante a entrevista com Pedro Bial, Glória Maria ainda fez um balanço da sua vida nos últimos meses, destacando que passou pelo tumor no cérebro, uma infecção no pulmão e ainda perdeu a sua mãe. Segundo a apresentadora, se esse não foi o seu momento de partir, ele nunca mais chegará.

Apesar de ainda estar em tratamento contra o câncer, Glória destacou que não sente medo e afirmou que nunca chegou a se perguntar por quais motivos isso estava acontecendo com ela. Entretanto, a jornalista chegou a confessar que Pedro Bial foi a única pessoa que conseguiu lhe arrancar lágrimas durante todo esse tempo e revelou que elas foram positivas e algo necessário em sua vida.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!