Nessa quarta-feira (13), Marcela Mc Gowan, ex-participante do "Big Brother Brasil 20", conversou com os seus seguidores nas redes sociais sobre como está a sua vida após a participação no reality show transmitido pela Globo.

Durante a conversa em questão, Marcela chegou a admitir que passou por alguns dias complicados após a sua volta à vida real. Entretanto, a médica revelou que atualmente está muito feliz com a sua vida.

Também durante a ocasião destacada, a ex-BBB chegou a revelar: "não fui para o BBB para ser uma celebridade". De acordo com Marcela, o seu primeiro objetivo ao se inscrever foi viver uma aventura, mas ela não sabia que o “pós-BBB” seria dessa maneira, e que ela deixaria a casa sendo conhecida por tantas pessoas e recebendo tantas propostas diferentes.

Ainda durante a sua conversa com os seus seguidores, Marcela Mc Gowan revelou que não tinha o objetivo de representar uma causa com a sua participação no "BBB20".

De acordo com a médica, que ela possui os seus princípios e os seus valores é algo óbvio, assim como também é óbvio que tudo isso está dentro dela e não pode ser dissociado de sua personalidade. Entretanto, o seu objetivo ao participar do reality show em questão era apenas se divertir.

Marcela fala sobre o pós-'BBB20'

Ao falar sobre a sua vida fora do confinamento, Marcela afirmou que já vivia uma vida que girava em torno de pontos levantados durante o "BBB20", em especial do aprendizado e da desconstrução em relação à luta das mulheres.

Na ocasião, a médica contou que começou a trabalhar com partos humanizados, sexualidade e ginecologia natural em momentos anteriores e que tudo isso exigia que ela tivesse uma postura mais firme em seu cotidiano. Assim, ao entrar no confinamento, tudo o que ela queria era rir e explodir, além de participar das provas e das festas do programa.

Devido aos fatos apontados por Marcela Mc Gowan, perceber as proporções que o "BBB20" tomou foi algo assustador para a sua vida, de modo que ela voltou a fazer terapia para conseguir lidar com isso.

Segundo a médica, em um primeiro momento ela queria aceitar todas as publicidades que apareciam, visto que todo mundo diz que ela precisa aproveitar o momento para se tornar conhecida na mídia e que a fama de ex-BBB é algo passageiro.

Entretanto, para Marcela, isso tudo é também uma fonte de tormento e de confusão mental, de forma que ela acabou se perdendo em algum ponto, em especial nas críticas que recebeu. Portanto, a terapia foi necessária para ela num sentindo de reconexão.

É válido ressaltar que durante o confinamento Marcela chegou a ser acusada de racismo e devido a isso a médica declarou que está estudando mais sobre o assunto, em especial sobre o feminismo negro. De acordo com ela, estudar outras realidades, em especial em pontos que ela tenha sido falha é algo importante, visto que a informação é algo empoderador.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!