O cantor Xanddy teve seus cachês de shows penhorados pela Justiça para que fosse feito com isso o pagamento de uma dívida deixada pelo cantor no valor de R$ 5 milhões. Atualmente, Xanddy e sua mulher, Carla Perez, estão respondendo por um processo que foi movido pela empresa South América Serviços e Assessoria Logística, desde 2005. O processo em questão é em relação ao não pagamento da cessão de direitos de uma mansão localizada na Bahia.

Atualmente o processo em questão movido contra o cantor e sua esposa está correndo na 1ª Vara de Feitos de Relativos às Relações de Consumo Cível e Comerciais, na Comarca de Lauro Freitas, cidade da Bahia.

Na última quarta-feira (20) a defesa da empresa, que negociou o imóvel com o casal, pediu que fosse feita a penhora dos cachês dos shows recebidos por Xanddy, em relação a uma live que foi feita pelo artista para o YouTube, e também de um show que estava marcado para este mês de maio, que foi negociado antes da pandemia, para cobrir o valor da dívida do cantor.

O pedido de penhora foi acatado pela juíza Elizabeth de Sena Sales Santos. Agora, a empresa Salvador Produções Artísticas e Entretenimentos Ltda, que é responsável pelos shows do artista, e o site YouTube Brasil, plataforma onde o show aconteceu de forma virtual, contam com 10 dias para pode informar a respeito dos recebimentos financeiros do artista em relação às apresentações em questão.

Xanddy, Carla Pérez e a dívida

O advogado Mohamad Fahad Hassan, que é o representante da South América no processo que está sendo movido contra o cantor, confirmou a respeito da decisão favorável para a empresa.

Ele alega que a ação que estava sendo movida é muito antiga e que ficou "amarrada" judicialmente durante muito tempo. Ele ainda relata que o caso foi julgado no ano passado, mas que somente agora neste ano que ele começou a andar de fato na Justiça.

A respeito desta mudança no protesto, o advogado ainda ressaltou que agora que eles estão indo atrás dos cachês recebidos pelo cantor, e de tudo que ele recebe por participação em eventos e patrocínios do mesmo.

A respeito da decisão, o advogado ressalta que é da última semana, e aconteceu devido a uma transmissão ao vivo do cantor que a empresa ficou sabendo a respeito, e também do show programado que aconteceria neste mês, mas que foi suspenso.

Devido a isso, ele aponta que Xanddy entrou com recurso, mas que isso não irá suspender nenhuma decisão que foi tomada em relação ao caso. Independente do recurso que foi feito, o advogado ainda alega que é preciso que o cantor agora cumpra o que foi pedido em relação à dívida para que ela seja liquidada, e ressaltou que o valor atual da dívida é de R$ 5 milhões.

Ao site Notícias da TV, a assessoria de imprensa de Xanddy e Carla enviou um comunicado assinado por Leandro Neves, advogado dos cantores, dizendo o seguinte: "Como já falamos anteriormente, ingressamos com ação criminal contra a South América por estelionato e estamos recorrendo no Tribunal de Justiça. O processo está em recurso e confiamos na Justiça e que essa situação será brevemente solucionada".

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!