Até o momento, a estratégia da CNN Brasil em contratar dois nomes conhecidos do jornalismo brasileiro, Alexandre Garcia e Sidney Rezende (ambos com passagem na Rede Globo), não vem atingindo bons resultados. As informações são do site Na Telinha.

Liberdade de Opinião

Este é o nome do quadro em que Garcia e Rezende fazem suas crônicas diárias. A atração vai ao ar pela manhã, dentro do telejornal "Novo Dia", que é ancorado por Elisa Veeck e Rafael Colombo. No "Liberdade de Opinião", os ex-jornalistas globais têm um espaço com cerca de vinte minutos para darem suas opiniões sobre temas relevantes da atualidade, Garcia com um viés conservador, enquanto Rezende tem um posicionamento mais progressista.

Baixa audiência

A crise de audiência que a CNN Brasil está atravessando não foi revertida com as duas contratações de peso. A emissora de notícias despencou 18 posições no mês de julho, o que levou o canal a promover várias mudanças em sua grade em uma tentativa de aumentar seu Ibope. Na última segunda-feira (10), o quadro foi exibido na parte da tarde e chegou a ficar com Ibope zero em São Paulo.

Sidney Rezende

Segundo as informações apresentadas pelo site Na Telinha, que obteve com exclusividade dados da Kantar Ibope por meio de fontes do mercado, em suas duas primeiras semanas de exibição, o "Liberdade de Opinião" apresentado por Sidney Rezende ficou com menos de um ponto na cidade de São Paulo, o que colocou a atração na vigésima posição no ranking de audiência.

Para efeito de comparação, na mesma faixa horária, a concorrente GloboNews obteve 0,99 de média, o que colocou a emissora de notícias do grupo Globo na liderança das TVs por assinatura.

No Painel Nacional de Televisão (PTN), no mesmo período, apontou quase 130 mil telespectadores para o canal de notícias da Globo, o que colocou a GloboNews em segundo lugar no ranking, contra apenas 35 mil telespectadores da rival CNN Brasil, colocando-a assim em vigésimo lugar no ranking.

Alexandre Garcia

O desempenho do experiente jornalista foi tão decepcionante quanto o de Sidney Rezende, enquanto Garcia permaneceu no ar, desde a estreia, ficou apenas com o décimo nono lugar no ranking, na capital paulista, enquanto a GloboNews ficou com o primeiro lugar no ranking com 1,04 ponto. O PTN, por sua vez, apontou que Alexandre Garcia conseguiu uma média de 36 mil telespectadores, o que o colocou na vigésima terceira colocação, e a GloboNews atingiu 127 mil pessoas.

Na segunda-feira (10), quando a atração iniciava sua terceira semana, o quadro com Sidney Rezende no período da tarde atingiu zero no Ibope na Grande São Paulo. Enquanto que no mesmo horário, a GloboNews ficou com a oitava posição no ranking, com uma média de 0,41 ponto.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página Opinião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!