A apresentadora Antonia Fontenelle mais uma vez usou de suas redes sociais para causar polêmica a respeito de um assunto que tem sido muito comentado nos últimos dias e muito sensível para algumas pessoas.

A atriz usou de suas redes sociais desta vez para criticar a postura adotada pelos youtubers Felipe Neto e Whindersson Nunes, que demonstraram apoio ao caso da menina de 10 anos de idade, que engravidou após ser abusada pelo próprio tio. A apresentadora se mostrou contrária aos atos de ambos.

Fontenelle detona youtubers

Logo quando o caso se tornou um dos mais comentados das redes sociais, tanto Felipe Neto quanto Whindersson Nunes usaram de seus perfis no Twitter para pedir que os responsáveis pela menina de 10 anos de idade os procurassem, que ambos estariam dispostos a oferecer auxílio de educação e suporte psicológico para a menina.

Contudo, diante da atitude em apoio à situação traumática vivida pela menina, a atriz se mostrou contrária e criticou os influenciadores nesta última segunda-feira (17), apontando que os dois eram "lacradores de m*rda".

Na crítica feita pela apresentadora, ela apontou que o melhor era pagar um criminalista para que o criminoso fosse condenado. A declaração feita pela apresentadora através da função Stories do Instagram, em uma publicação onde aparece a foto de ambos os influenciadores digitais, com as ações que foram ofertadas por ambos através de seus perfis.

Em uma publicação posterior, Antonia também criticou o grupo de religiosos que foram em frente ao hospital onde a menina realizou o procedimento para interromper a gravidez, para manifestarem-se contra o procedimento.

Na publicação que foi feita por Fontenelle, a apresentadora questionou se as pessoas estariam fechando os olhos para o fato de que uma criança na idade da menina não teria capacidade física, e nem mesmo psicológica para gerar um filho, e que, além disso, ela também não teria condição alguma de criar uma criança.

Em seguida, Fontenelle criticou a postura dos influenciadores que colocou como nojenta, por eles estarem oferecendo escola e psicólogo para a menina.

Antonia fez questão de destacar que a criança precisaria apenas de paz, amor e proteção.

A apresentadora ainda destacou que considera uma atitude abominável dos youtubers de usarem suas vozes para se promover diante de um caso como este. Ela ainda questionou o motivo pela qual os influenciadores não usam suas vozes para pedirem que a Justiça puna o tio da menina que foi abusada.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!