Para quem não sabe, Rihanna é dona da linha da marca de lingerie Savage x Fenty. A cantora recentemente fez um desfile que foi bastante elogiado por conta da diversidade cultural e racial entre as modelos. Mas nem tudo foram flores, e a cantora e dona da marca foi acusada de apropriação cultural.

Rihanna é acusada de apropriação cultural

Em uma parte do desfile da Savage x Fenty, Rihanna usou uma Música considerada sagrada para os muçulmanos, o que irritou bastante os membros do Islã e rendeu a cantora uma acusação de apropriação cultural.

O desfile da Savage x Fenty foi uma produção da Amazon Prime, que misturou o evento com um documentário.

No desfile as modelos eram de várias raças, culturas e tamanhos, haviam artistas e anônimos. O desfile rendeu a Rihanna muitos elogios por conta da diversidade na passarela.

Mas muitos muçulmanos que viram o teaser do segundo episódio do desfile não ficaram nada contentes. As modelos estão usando moda praia e dançando ao som mixado de hadith, uma música sagrada para a comunidade islâmica.

Para quem não sabe, hadiths são registros de ditos do profeta Muhammad e são reverenciados pelos muçulmanos.

Música que rendeu polêmica no desfile de Rihanna

A canção em questão que gerou toda a polêmica no desfile de Rihanna foi "Doom", que na tradução para o português significa "desgraça". Ela foi criada pelo londrino Coucou Chloe.

O produtor misturou na batida amostras de versos vocais do hadith, que tem como temática falar sobre o fim dos tempos e o julgamento final.

Os muçulmanos se sentiram ofendidos por terem uma canção sagrada usada em um desfile com mulheres seminuas, além disso, as modelos também usavam um hijab, que é uma vestimenta obrigatória para as mulheres em grande parte do Oriente Médio.

Rihanna cancelada no Twitter

Depois da repercussão no Twitter, a cantora e dona da marca de lingerie foi "cancelada", isso porque o desfile foi considerado pelos internautas como sendo desrespeitoso com a cultura islâmica.

Depois da repercussão, Rihanna não se pronunciou.

Alguns internautas mostraram sua tristeza e revolta com o ocorrido no desfile de Rihanna. Uma internauta identificada como Rose Freckless disse que como muçulmana ela não tinha palavras para dizer como estava decepcionada com Rihanna.

Ela ainda disse que quem não faz parte da cultura islâmica não tem o direito de opinar sobre a forma como eles se sentiram com essa situação, nem de dizer que eles estão sendo dramáticos ao se ofenderam com o uso do hadith no desfile.

Outro internauta identificado como Kirry Zarry disse que a islamofobia está sendo tratada como algo normal, tanto que eles são chamados de dramáticos e loucos quando alguém desrespeita a religião. Ele ainda disse que hadith são palavras sagradas do profeta para guiar os muçulmanos.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Música
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!