Mesmo que ele já imaginasse que mais cedo ou mais tarde isso iria acontecer, Jerônimo está muito triste com o fato de estar perdendo Renata, agora que ela está decidida a pedir o divórcio. Regina já está há muitos dias sem saber nenhuma notícia de Gonçalo, e isso já a preocupa, pois ela pensa que ele pode estar a esquecendo. Inês diz para ela tirar esses pensamentos da cabeça, já que Regina não tem nenhum motivo para desconfiar de Gonçalo. No fim, ela acaba aceitando, lembrando-se que desde o início ela sabia que essa seria uma relação proibida.

Roberta está vivendo os piores dias de sua vida, agora que está na cadeia suspeita de ter matado Rafael.

Ela, desesperada, começa a gritar como uma louca. Quando estavam discutindo, Renata havia dito a Roberta que Rafael recebeu uma carta assinada por ela, e agora ela fica confusa se lembrando da carta, pensando em quem poderia ter escrito e qual seria o conteúdo desta carta. Josefina está desesperada atrás do documento que prova que Renata é filha de Roberto Gamba e Regina, pois tudo o que ela mais quer é destruir esse documento, mas Gustavo segue pedindo uma quantia de dinheiro muito alta pelo documento.

Honório está cada vez mais abatido com o fim de seu casamento, mas sua filha ainda lhe dá esperanças e diz que ao invés dele ficar remoendo tudo o que aconteceu, deveria ir atrás da esposa para tentar esclarecer tudo de uma vez.

Renata consegue um documento que prova que Roberta não matou Rafael, e logo procura Jerônimo para esclarecer tudo. Logo, esse documento é apresentado à polícia e prova que no dia do assassinato de Rafael, Roberta não saiu da cidade. Com isso, Roberta deixa a cadeia. Aproveitando que os dois se encontraram novamente, Jerônimo pede perdão a Roberta, na tentativa de reatar seu romance com ela, mas sua tentativa é frustrada.

Roberta liga os pontos e acusa Josefina de ter escrito a tal carta, com a intenção de que ela e Rafael não ficassem juntos. Josefina, como não poderia deixar de ser diferente, acaba negando tudo. Renata fica muito mexida com a prisão de Augusto e por isso vai até à cadeia para visitá-lo. Ao chegar no lugar, ela pergunta a Augusto se ele tem alguma culpa pelo que aconteceu com o irmão de Jerônimo, e ele nega de pronto.

Além disso, acusa Jerônimo de forjar provas somente para afastá-lo de Renata. Renata e Jerônimo se encontram perto da famosa árvore da praia. Ele aproveita o clima romântico para ela desistir do pedido de divórcio e lhe dar uma nova chance, pois quer provar que seu amor por ela é verdadeiro. Renata pede que ele talhe um coração com seus nomes na árvore e é surpreendida quando ele diz que já fez isso antes, o que a deixa muito balançada.

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!