Nesta última quarta-feira (11), a filha caçula do cantor Belo foi detida pela Delegacia de Combate às Drogas do Rio de Janeiro. Isadora Alkimin Vieira, de 21 anos, foi presa com mais 11 mulheres, acusadas de fazerem parte de uma quadrilha especializada em dar golpes através da internet e que seria ligada à maior facção criminosa do estado.

As mulheres são acusadas de serem as responsáveis por entrarem em contato com as vítimas e induzirem as mesmas a repassarem os seus dados bancários. Além de pegarem os dados, as mulheres induziam as vítimas a entregarem os cartões a motoboys, que faziam parte da quadrilha, e iam até a casa das pessoas.

Os objetos eram usados pela quadrilha e acredita-se que os criminosos movimentavam entre R$ 600 mil e R$ 1 milhão por mês através dos golpes.

Prisão foi realizada na Barra da Tijuca

A quadrilha foi presa em flagrante na manhã desta quarta-feira (11), na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, após uma denúncia anônima. Segundo a polícia, o local era usado com uma "central dos golpes", de onde os criminosos entravam em contato com as vítimas.

Os policiais apreenderam com Isadora, a filha de Belo, um iPhone avaliado em R$ 4 mil e um notebook. Ela responderá pelo crime de organização criminosa. Além da detenção das 11 mulheres, foram apreendidos no local vários notebooks, 9 máquinas de cartão, 50 cartões de crédito, diversos aparelhos celulares e outros materiais que seriam usados na prática do golpe.

Golpe usado para abastecer tráfico de drogas

De acordo com o setor de inteligência da Delegacia Especializada, líderes da facção criminosa que atuavam no Complexo da Maré usavam os golpes bancários como uma nova forma para abastecer o tráfico de drogas e com isso aumentar as atividades pelos criminosos.

Segundo os investigadores, existem outros núcleos de operação da quadrilha em endereços diferentes na cidade do Rio de Janeiro, inclusive dentro das comunidades. Além dos golpes eletrônicos, a facção realiza roubos de carga, receptação e clonagem de veículos, além de trabalharem com o tráfico de armas.

Belo se pronuncia sobre prisão da filha

O cantor Belo se pronunciou sobre a prisão da filha caçula, que seria estudante de odontologia. Além da jovem, o cantor tem outros três filhos, e segundo Nelson Rubens, ele disse estar muito surpreso e arrasado com a prisão de Isadora e que nem imaginava que ela estivesse envolvida neste tipo de crime.

Belo deu uma entrevista ao jornal O Globo e falou que não sabia absolutamente de nada e que na última semana conversou com a filha e perguntou tudo sobre ela, inclusive sobre a faculdade. Ele falou que sempre deu todo o suporte como pai e sempre pagou pensão, faculdade, deu educação e amor. O cantor falou que está muito triste e pediu para que seja respeitado neste momento difícil.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!