Devido às acusações que recebeu de pedofilia e de ter feito apologia às drogas, a apresentadora Xuxa Meneghel entrou com um pedido na Justiça contra o apresentador Sikêra Jr., da RedeTV!. A loira decidiu acionar os seus advogados após as declarações feitas pelo jornalista a seu respeito na televisão, em tom acusativo.

Agora, diante dos pedidos que estão sendo feitos pela apresentadora em sua ação, ela pede que o título de jornalista de Sikêra seja casado, além da demissão do mesmo da emissora e também uma indenização no valor de R$ 500 mil, que ela inclusive tem a intenção de doar para instituições de caridade se vencer a ação contra o apresentador, pelas declarações e acusações que foram feitas.

A ação, que está sendo movida pela apresentadora foi protocolada na Vara Cível do Foro Regional de Santo Amaro, na cidade de São Paulo, no dia 27 de outubro, após o acontecimento em questão.

A apresentadora da Record TV pediu ainda que fosse feita tutela de urgência em relação ao caso, já que ela em seu pedido alegou que o jornalista é um risco para sociedade, devido às declarações feitas por ele na televisão.

Advogados de Xuxa caracterizam Sikêra como 'risco à sociedade'

Diante do pedido feito pela apresentadora, seus advogados ainda fizeram um relato longo, que sustentaria a tese de que Sikêra é um risco de fato para a sociedade, declarando que diariamente quando o apresentador aparece na televisão, ele comete vários crimes.

Em meio ao relato, foram citados alguns momentos em que o apresentado fez comentários em seu programa de caráter homofóbico, transfóbico e preconceitos em geral, a cidadãos comuns.

Também foram citados momentos onde o jornalista até mesmo incitou zoofilia e fez acusações sem que fossem apresentadas provas, além de comemorações indevidas a respeito de mortes.

O processo que está sendo movido agora por Xuxa foi devido a algumas ocasiões em que ela foi desqualificada pelo apresentador em seu programa recentemente. Ela ficou revoltada ao descobrir um vídeo que foi mostrado por Sikêra em seu programa de um homem que aparecia na gravação abusando de uma égua.

Em vez de no momento fazer um alerta para o crime mostrado, o apresentado debochou da situação chamou ainda dois integrantes do seu programa para simularem a cena ao vivo no seu programa.

Após Sikêra direcionar seus ataques à apresentadora em seu programa, quando a chamou de pedófila usando de exemplo para sustentar sua fala um filme em que Xuxa atuou e causa polêmica ainda hoje, o “Amor Estranho Amor”.

No momento em questão, não satisfeito, o jornalista também acusou a apresentadora de ter feito apologia às drogas, ao ter citado em uma entrevista que sua mãe, Alda Meneghel, fazia uso de maconha medicinal para aliviar os sintomas de uma doença degenerativa.

Não perca a nossa página no Facebook!