A família do padre Fábio de Melo está em luto após a perda de sua mãe Ana Maria de Melo, 83 anos, ocorrida neste sábado (27). A idosa se encontrava entubada em um hospital de Uberlândia, em Minas Gerais, depois que foi diagnosticada com o novo coronavírus.

Morre a mãe do padre Fábio de Melo

Dona Ana Maria foi internada no dia 15 de março, após ser diagnosticada com Covid-19, tendo que ser intubada dias depois, por piora no quadro de saúde. A notícia da morte da idosa foi compartilhada pelo religioso em seu perfil nas redes sociais.

Fábio de Melo disse que sua mãe tinha partido na manhã deste sábado, para viver na eternidade, deixando o mesmo com sua dor que rasga o corpo e a alma.

Ele relembrou que sua mãe faleceu em um sábado de Ramos, assim como foi quando ele nasceu. O homem agradeceu por terem pertencido um ao outro, e terem sofrido, sorrido, amado e aprendido a conjugar todos os verbos possíveis nessa existência.

Ele disse que levará na memória tudo o que couber dentro dele e relembrou um momento em que estava em Fátima, Portugal, e a mãe mandou um beijo para a Santa dizendo que a mesma a conhecia. O padre disse que na eternidade todos sabem quem ela é e disse para a senhora levar dele tudo o que quiser e puder.

O religioso continuou: "O dia mais temido chegou. O dia de continuar neste mundo tão empobrecido, sem o precioso simbólico da filiação, sabendo que você não estará mais por aqui." Fábio disse para a mãe guardar o seu coração com o dela, até o dia em que poderá novamente deitar a cabeça em seu colo e receber carinho em seu cabelos, sendo chamado de Fabinho.

Ele terminou agradecendo as orações e carinho que sempre receberam.

Mãe de padre Fábio tomou vacina

No dia 4 de março, o padre Fábio de Melo fez uma postagem em seu perfil mostrando a mãe Ana Maria sendo vacinada contra a Covid-19 e dizendo o quanto aguardou ansioso esse momento. Quando foi no dia 15, ele pediu orações para a mãe, que tinha se infectado com o vírus, e explicou o que aconteceu, visto que ela tinha tomado a primeira dose da vacina.

Segundo o famoso, o dia da vacina foi um dia de alegria e nem imaginavam que já era tarde e ela já estava infectada. Ele explicou que quatro dias antes de tomar a vacina, sua mãe teve que ser internada, por pouco mais de 24 horas, e que foi acompanhada por uma sobrinha. Dois dias após a senhora tomar a vacina, a sobrinha teve sintomas e testou positivo para o vírus.

A família fez o teste em Dona Ana e mesmo sendo negativo, optaram por isolá-la. No dia 13 de março, a mulher começou a apresentar pigarro e um novo teste deu positivo, sendo internada no dia 15. O padre disse que estava angustiado, se sentindo fracassado, pois por causa de horas e dias, a vacina teria gerado imunidade na sua mãe.

Ele pediu que rezassem pela sua mãe e disse que tinha feito uma chamada de vídeo com a mesma, e ela tentou consolá-lo dizendo que Deus só a levaria quanto chegasse a sua hora. A mulher teria dito que o filho morava dentro dela e que nunca seria diferente.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página Religião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!