Nos próximos capítulos de "Gênesis", Sarai continuará com a ideia de dar um herdeiro para o marido e terá a ideia de unir o homem a Agar, que ela já notou ter um interesse especial por ele e que chegou a confessar que gostaria de se unir a um homem parecido com o "escolhido de Deus".

Sarai se preocupa com o marido em 'Gênesis'

Ao perceber que pode unir os dois, a protagonista começará a sondar o marido sobre a possibilidade dele se relacionar com a serva, no entanto, o profeta se mostrará fiel até mesmo neste momento, rechaçando a proposta e deixando claro que não concorda com ela pelo antigo interesse amoroso de Bakari não ter "aceitado Deus" e a religião seguida por eles.

Toda a confusão começará a acontecer quando a filha de Danina começar a se preocupar cada vez mais com a possibilidade de o marido não ter herdeiros. Cansada de esperar pelo tempo de Deus, que prometeu uma longa descendência ao "escolhido", ela terá a ideia de unir o amado à serva para que dela nasça um herdeiro.

Sarai coloca Agar contra a parede em 'Gênesis'

Percebendo o interesse da serva pelo seu marido, ela colocará Agar contra a parede, que acabará confessando o interesse. Ao invés de se enciumar com a confissão, ela se mostrará alegre por finalmente realizar o sonho do marido, mesmo sem gerar a criança em seu ventre.

Em cenas previstas para irem ao ar na próxima segunda-feira (3), ela começará a sondar o esposo, questionando quem ele iria desposar caso os dois não tivessem se conhecido tantos anos atrás.

Estranhando o questionamento, ele responderá que a pergunta é tão descabida que ele se dará ao trabalho de pensar na resposta.

Sarai pede que Abrão se abra em 'Gênesis'

Sarai pedirá que ele pense em uma perspectiva que ela já não estivesse mais lá e morresse, questionando com quem ele se casaria. O "escolhido" voltará a rechaçar a ideia, destacando que ela não morrerá naquela hora, então não é uma questão.

Trocando de assunto, ele apontará que está muito preocupado com o sobrinho.

Sarai aproveitará a confiança que o marido deposita em Heylel, que nada mais é do que Lúcifer disfarçado, para elogiar Agar, ressaltando que é muito bom que eles tenham pessoas como eles ao redor, apontando, ainda, que ela ficou impressionada com a gentileza que ela trata o "escolhido".

Grosseiro, ele responderá que ela não faz mais do que a "obrigação dela ao servi-los". Sarai pontuará que não a vê mais como uma serva, mas sim como uma amiga. O protagonista perceberá onde a esposa quer chegar e a cortará, reafirmando que a jovem não teme a Deus e guarda rancor de Adália.

A protagonista concordará, emendando que acredita que o rancor vem da falta de esperança que ela tem de ser feliz. Abrão irá se irritar, destacando que um novo amor não iria resolver a situação e que ela sofreria da mesma forma, encerrando o assunto, o que deixará Sarai chocada com a recusa dele em desposar a jovem.

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!