Os grandes #Cães dinamarqueses, ou dogues alemães, como também são conhecidos, são caninos considerados por muitos como os mais bonitos e majestosos, já tendo sido utilizados como cães de caça ou mesmo de proteção e guarda. O dinamarquês 'gigante' possui pernas longas e, por vezes, possui uma expressão facial que lembra a de um avô triste. 

Na cidade de Oldbury, na Inglaterra, vive um destes com nome Presley, cujo comportamento lembra muito mais ao de um esquilo do que ao de um cão com um tamanho tão imponente. Ele tem pavor não só de cães muito menores do que ele, mas foge apavorado quando escuta o som, por exemplo, produzido por um aspirador de pó, quando vê um saco plástico vindo flutuando no ar ou quando ouve barulhos no ambiente em que se encontra.

Publicidade
Publicidade

É algo um tanto cômico, ou mesmo ridículo, para um animal de aproximadamente 2 metros, se medido de suas patas traseiras. 

Sian Barrett, dona de Presley, disse que o mesmo teve um ataque de medo ao se defrontar, no passeio habitual dele no parque, com um Terrier, o qual é incrivelmente menor. "Ele não queria continuar o passeio até ter a plena certeza de que o outro cachorrinho havia de fato ido embora”, diz a inglesa. Ela destaca que, por ter criado Presley desde bem filhote, isso pode ter feito com que o cão a perceba como sua mãe e ele como seu filho único, se tornando, por isso, muito dependente dela. 

Por outro lado, Presley é extremamente bondoso com as crianças. "Há pouco tempo atrás, caminhávamos e nos deparamos com uma mulher mais a sua filha, que chorava. De início, Presley, como de costume, ficou com medo do som estridente do choro, porém, bastou a menina aproximar-se dele que parou de chorar automaticamente.

Publicidade

Enfim, quase todos ficam atônitos ao encontrarem um cachorro grande assim, entretanto, sua personalidade doce acaba cativando as pessoas”, afirma a dona. 

Sian Barrett faz parte da organização dos Grandes Dinamarqueses do Reino Unido, que visa à sensibilização e promoção da raça entre as pessoas. Barrett fala com orgulho que Presley é "como se fosse um grande bebê", pois, quando ela chega em casa, lá vem o cachorro com um chinelo na boca, significando que deseja comer, ou ainda, segue atrás dela com um travesseiro pendurado na boca para sentir-se protegido ao lado de sua dona. 

O cachorro Presley é da mesma raça de personagens fictícios de filmes e desenhos animados, como Scooby Doo e Marmaduke. Ele se parece muito com os mesmos no que diz respeito a ser um grande e amável “medroso”. Todavia, deve ser uma alegria sem fim conviver com esse “babão” encantador. #Animais #Curiosidades