Na madrugada do último domingo (4), a vendedora Tatiany Arcy, de 31 anos, passou por uma agressão quando estava em uma casa noturna localizada na zona oeste de São Paulo. Por volta das 5h, ela acabou sendo agredida por desconhecidos que estavam próximo ao local.

Acompanhada do namorado e amigos, a vendedora estava em uma casa noturna na avenida Francisco Matarazzo, na zona oeste de São Paulo. A noite para o grupo de amigos acabou em agressão.

Ao se preparar para sair do local, Tatiany acabou notando que havia deixado o casaco em uma mesa e precisou retornar para buscá-lo, sendo acompanhada do namorado.

No momento em que a vendedora retornou ao local para buscar o casaco, ela acabou sendo agredida por um casal.

Relato do namorado

Francisco contou que notou que a namorada havia sido agredida e que foi procurar quem havia agredido ela.

Porém, ele acabou sendo contido pelos seguranças da casa noturna, que não teriam deixado ele permanecer no local. O relógio do jovem teria sido furtado durante a confusão.

Depois de ter sido agredida, Tatiany foi amparada pelos amigos no local e precisou ser levada para a enfermaria da casa noturna. No local pode ser comprovado que ela acabou ferindo o olho, os lábios e quebrou um dos dentes.

Devido às agressões sofridas e os ferimentos deixados, Tatiany precisará ficar agora 15 dias afastada de seu trabalho.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Ela informou que também que não recebeu até o momento nenhum tipo de apoio da casa noturna a respeito do episódio de agressão.

Os familiares da jovem afirmaram que vão entrar com um processo contra a casa noturna e que querem as imagens das câmeras de segurança do local para que os agressores da jovem sejam identificados.

A delegada responsável por ter registrado o boletim de ocorrência a respeito da agressão afirmou que casos como o de Tatiany têm se tornado cada vez mais comuns na região.

O advogado da vendedora declarou que todas as medidas necessárias já estão sendo tomadas a respeito do caso de agressão sofrido por ela. Isso por que, segundo ele, a casa noturna é responsável pela segurança de seus clientes e deveria prezar por isso, porém a vendedora acabou sendo agredida no local.

O caso foi registrado como lesão corporal e furto na 91º Distrito Policial (Ceagesp). A casa noturna em que Tatiany esteve com os amigos durante o final de semana e foi agredida foi procurada para dar uma declaração a respeito do caso, mas até o momento não quis se manifestar a respeito do caso.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo