Os significados dos sete deuses japoneses da sorte

As Sete Deidades da Sorte | Magia Oriental - aoikuwan.com
As Sete Deidades da Sorte | Magia Oriental - aoikuwan.com

O Shichi Fukujin, ou os sete deuses da sorte, segundo os japoneses, têm significados importantes para a cultura nipônica.

Embora no Japão todos sejam considerados deuses da sorte, apenas um possui sua origem no Japão. O Ebisu, os demais são oriundos de divindades chinesas e indianas.

Acredita-se que esses deuses teriam começado a ser adorados a partir do século 15. No Japão, templos e santuários são dedicados a um desses deuses, raramente ao grupo todo.

Frequentemente são retratados em pinturas, esculturas, músicas e danças.

Então, conheçam os sete deuses da sorte.

1

Ebisu: o deus dos pecadores

Ebisu é considerado o deus dos pecadores e do oceano. Segundo a mitologia, ele nasceu sem ossos e foi jogado no mar com apenas três anos. Conseguiu sobreviver a essa experiência o tornou poderoso. Mesmo após o crescimento dos ossos, ele permaneceu aleijado e surdo. Sua imagem é representada por uma vara de pesca na mão direita e um enorme peixe na mão esquerda.

2

Daikokuten: o deus da fortuna

Ele era considerado como um deus guerreiro para os hindus, tanto que suas primeiras estátuas japonesas eram retratadas de forma feroz. Porém, com o tempo foi deixado de ser retratado de forma feroz, tornando-se conhecido como o deus da cozinha e da riqueza e sua virtude é a fortuna. Mas há um mito de que Ebisu seria filho dele, e que eles eram retratados ao lado de um terceiro deus, Fukurokuju, formando assim os três deuses da fortuna.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo