6

Vacina Sinopharm

Por fim, outra vacina de origem chinesa, agora com investimento quase que inteiramente estatal. A expectativa, após testes na Arábia Saudita, é que a vacina possa ser aprovada já no final de 2020.