O ala-pivô da seleção norte-americana de Basquete e do Golden State Warriors, Draymond Green, cometeu um erro na noite de domingo (01). Por engano, o atleta publicou em uma rede social a foto do seu pênis e só notou o que tinha feito minutos depois.

Green removeu a foto quando ela estava publicada para os seus seguidores há mais de 10 minutos. Neste tempo, muitos viram a imagem íntima postada pelo ala-pivô da seleção norte-americana de basquete.

Ao notar o erro que tinha cometido ao postar o Nude, Draymond Green usou também as redes sociais para pedir desculpas. O atleta postou uma mensagem, horas depois, pedindo desculpas pelo ocorrido e dizendo que não era isso que ele estava tentando fazer.

Segundo ele, era para ser uma imagem privada, mas a mandou publicá-la para todos, ao apertar o botão errado.

Green disse que as pessoas estão a um clique de distância de publicar uma imagem no lugar certo ou errado e que ele sofreu com isso desta vez.

Um dos nomes de destaque do time de basquete dos Estados Unidos, Draymond Green continua treinando e se preparando para os Jogos Olímpicos Rio 2016. O ala-pivo treina no Toyota Center, ginásio poliesportivo em Houston, Texas.

Esta não é a primeira polêmica envolvendo Draymond Green

Segundo o site norte-americano MLive, no início do mês de julho a estrela do basquete dos Estados Unidos foi presa. Draymond Green teria sido acusado, na cidade East Lansing, no estado de Michigan, de agressão, de acordo com o site.

Eles também tentaram contato com o Departamento de Polícia de Esat Lansing que não confirmou que Draymond Green teria sido detido.

Os melhores vídeos do dia

Porém, disseram que prenderam um jogador atual da NBA por agressão, sem falar nome.

O time também não soube informar mais detalhes. A polícia tentou ser discreta e a equipe também. Eles apenas disseram que estavam sabendo das notícias, mas que não iriam falar nada, pois não sabiam de grandes detalhes.

Draymond Green, envolvido nesta polêmica e que postou foto do pênis por engano, é da equipe olímpica dos Estados Unidos.