O São Paulo encerrou neste sábado (6), sua preparação para a segunda partida da semifinal do Campeonato Paulista. Cerca de 30 mil pessoas foram até o estádio do Morumbi para apoiar os jogadores no treino sob gritos eloquentes de “eu, acredito”. A equipe tricolor encara novamente o Palmeiras, no Allianz Parque, às 16h deste domingo (7).

Como o primeiro jogo terminou empatado sem gols, uma nova igualdade levará a disputa para as penalidades, enquanto que uma vitória simples basta para qualquer time.

Publicidade
Publicidade

Quem avançar pega na decisão o classificado da outra semifinal, envolvendo Santos e Corinthians, que jogam segunda-feira (8), no Pacaembu. O treino contou ainda com presenças ilustres dos três novos contratados Alexandre Pato, Tchê Tchê e Vitor Bueno.

Em seu primeiro jogo após voltar ao clube, Cuca só não vai poder contar com Pablo, por conta das dores na panturrilha direita que sentiu ao longo da semana. A provável escalação do São Paulo para esta partida é: Tiago Volpi, Hudson, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo, Luan, Liziero e Igor Gomes, Antony Everton e Everton Filipe (Gonzalo Carneiro).

Torcida compareceu em peso ao Morumbi. (Divulgação/Rubens Chiri/SPFC)
Torcida compareceu em peso ao Morumbi. (Divulgação/Rubens Chiri/SPFC)

São Paulo tem inimigo íntimo

O atual elenco pode não brilhar como em anos anteriores, porém, o principal trunfo que a equipe tricolor paulista possui é o técnico Cuca. O treinador do São Paulo ajudou a montar o time do Palmeiras e por isso, sabe dos esquemas proporcionados pelo seu amigo, Felipão.

Apesar disso, o jogo empatado não serve para ninguém, por isso, é necessária cautela, ou seja, quem errar menos chegará a grande final. O outro finalista só será conhecido apenas na segunda-feira (8), com Santos e Corinthians.

Publicidade

Vale salientar que o São Paulo teve uma semana inteira para trabalhar, enquanto o Palmeiras praticou um péssimo Futebol no meio de semana na Argentina, quando perdeu para o San Lorenzo por 1 a 0. Felipão que se cuide, pois, o tricolor paulista pode surpreender na arena do seu rival.

O técnico Luiz Felipe Scolari não está em um bom momento e todo cuidado é pouco para não ser surpreendido. Diante disso o provável time escalado deve ser Weverton, Mayke, Luan, Gustavo Goméz além do Diego Barbosa, (Victor Luís), Felipe Melo, Bruno Henrique e Ricardo Goulart, Gustavo Scarpa, Dudu e Deyverson.

Precisa quebrar um tabu

Todas as sete vezes que o São Paulo visitou o Palmeiras no Allianz Parque saiu de campo derrotado e que se quiser chegar à final do Campeonato Paulista deste ano terá que quebrar esse incômodo tambu e vencer o Verdão em seus domínios. O Tricolor também nunca empatou na casa do rival e se isso acontecer, terá a chance de tentar sua classificação nos pênaltis.

Leia tudo e assista ao vídeo