Diante a um jogo que começou com ares de problema, devido aos últimos resultados obtidos tanto no campeonato estadual, quanto na Copa Libertadores, o Atlético Mineiro mostrou sua força e, na tarde deste domingo (7), no estádio do Mineirão mais uma vez goleou o Boa Esporte por 5 a 0, repetindo o placar do duelo entre os times na primeira fase.

Publicidade
Publicidade

O resultado classificou o Galo para a decisão do Campeonato Mineiro contra o Cruzeiro, que eliminou o América. Já o Boa, mesmo não tendo conseguido a classificação, saiu de campo com o título de campeão do interior e vai motivado para a disputa da Série C.

Dois minutos após ter o que seria seu primeiro gol anulado pelo VAR, o Atlético saiu na frente aos 24 minutos com Luan, após cruzamento de Cazares e desvio de Ricardo Oliveira. Aos 40 minutos, a dupla Ricardo Oliveira / Cazares voltou a aparecer em jogada que culminou no gol de Elias em lindo contra-ataque.

Luan comemora um dos gols do Atlético. (Divulgação/Bruno Cantini/Atlético-MG)
Luan comemora um dos gols do Atlético. (Divulgação/Bruno Cantini/Atlético-MG)

Ainda no primeiro tempo, Victor tentou cortar cruzamento de Cazares e mandou contra as próprias redes.

A goleada foi decretada na etapa final, com Geuvânio, que estreava como titular. Ele aproveitou bobeada de Fernando e ampliou. Por fim, Vinicíus recebeu de Elias e fechou a conta.

O próximo compromisso é pela Copa Libertadores da América

Depois de fazer o dever de casa neste domingo, o Atlético volta suas atenções para o jogo mais decisivo por enquanto da sua temporada, marcado para a próxima quarta-feira (10), quando enfrenta o Cerro Porteño, às 19h15, no Paraguai.

Publicidade

O atual momento na competição sul-americana é crítico. Com apenas três pontos em três rodadas, o alvinegro mineiro precisa voltar para casa com a vitória na bagagem para que não dependa de nenhum outro resultado nos dois últimos confrontos da fase de grupos.

O Cerro Porteño, por sua vez, está em uma situação bem confortável e, dependendo dos resultados desse meio de semana, uma vitória já basta para sua classificação para as oitavas de final. O time paraguaio tem nove pontos, três a mais que o Nacional do Uruguai, o segundo colocado.

13ª final seguida

Os próximos compromissos do Atlético no Campeonato Mineiro serão contra seu maior rival, o Cruzeiro, nos dias 14 e 21 de abril. O embate histórico e árduo será mais um capítulo de uma da maior rivalidade de Minas e uma das maiores do Brasil. Os rivais fizeram a final nos dois últimos anos, com o Galo vencendo em 2017 e a Raposa em 2018.

Para provar a sua recuperação e de que o mau Futebol praticado nas últimas partidas foi um mero acaso, é necessário que vença os dois próximos confrontos, tanto Cerro Porteño quanto Cruzeiro, para mostrar seu valor como equipe e diminuir as críticas sobre o esquema tático de Levir Culpi.

Publicidade

Leia tudo