Neymar pode protagonizar uma nova transferência milionária [VIDEO] no Futebol mundial. De acordo com notícia publicada na noite desta segunda-feira (17), pelo portal GloboEsporte, o Barcelona já estaria negociando para ter de volta o jogador brasileiro, que deixou o clube catalão em meados de 2017 rumo ao Paris Saint-Germain, da França, no que foi a maior transferência da história do futebol mundial.

No momento, o que está sendo discutido é a forma como o negócio seria feito. De início, o clube catalão pagaria 100 milhões de euros – menos da metade dos 222 milhões que recebeu há dois anos – e para completar o valor ainda enviaria um pacote de jogadores.

Umtiti, Dembélé e Rakitic são nomes que foram incluídos nessa lista a ser oferecida aos franceses. Josep Maria Bartomeu, presidente do clube espanhol, estaria à frente das conversas.

Mas diferente do que ocorreu em sua ida para Paris, apenas o desejo do atleta em mudar de ares não será suficiente, uma vez que agora não existe multa rescisória estipulada e o jogador só poderá sair caso o clube francês esteja de acordo. No entanto, o PSG já admite o interesse em se desfazer do brasileiro desde que a proposta que chegar lhe seja interessante.

Nada de celebridades no clube

Em entrevista concedida à revista France Football, o presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al Khelaifi, disse que o clube não terá mais espaço para estrelismos. O discurso coincide com a volta do ex-jogador Leonardo para ocupar o cargo de diretor técnico, função que antes era desempenhada pelo português Antero Henrique.

“Os jogadores têm de assumir responsabilidade ainda maior que antes”, disse o mandatário.

“Não estão lá para agradar a si mesmos. E, se não concordarem, as portas estão abertas”, disparou o presidente, reforçando – sem citar nomes -, que não quer mais nenhum jogador comportamento de celebridade no clube.

Chegada de Leonardo enfraquece Neymar no clube

Nos bastidores comenta-se que a volta de Leonardo ao Paris Saint-Germain seja para impor limites a Neymar e deixa-lo no mesmo patamar que os demais atletas do elenco.

O novo diretor, inclusive, já conversou com os outros brasileiros do elenco, que classificaram o bate-papo positivo.

Esse enfraquecimento do camisa 10 seria basicamente não tolerar mais suas viagens no meio da temporada, bem como as críticas ao elenco. Por outro lado, a chegada do ex-jogador também tende a fortalecer Cavani, que é uma figura forte nos vestiários do PSG.

Foi Leonardo, quando ainda estava no clube, o responsável por trazer o uruguaio, que é considerado a maior contratação da história do time. O comportamento exemplar do jogador fascina a diretoria do clube.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Neymar
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!