Antes da reabertura do Campeonato Brasileiro, o elenco do Futebol profissional do Fluminense fez um treinamento nas Laranjeiras com a presença de sua torcida. No domingo passado (21), por ocasião dos festejos dos 117 anos do clube, a sede do Tricolor foi palco de um show do cantor Lulu Santos. Para completar, na noite da última terça-feira (23), o local recebeu pouco mais de três mil pessoas que assistiram, por um telão, a vitória de 2 a 1 sobre o Peñarol, em Montevidéu, no Uruguai, no confronto de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Essa sequência motivou ainda mais à continuidade do projeto de revitalização do tradicional estádio Manoel Schwartz.

A iniciativa, apoiada pela atual gestão e tocada pelo grupo Laranjeiras XXI, tem como objetivo reformar o estádio para uma capacidade de público de cerca de 15 mil pessoas, viabilizando, dessa maneira, o Fluminense pode receber, nas Laranjeiras, jogos de pequeno porte. Essa reforma, no entender do grupo, não afetará na utilização do Maracanã, nem teria custos ao clube, pois, os recursos viriam de outras maneiras, como investimento de empresas, contratos de patrocínios, financiamento coletivo de torcedores e leis de incentivo.

"Entendemos estar revitalizando um espaço em que muitas das pessoas que moram ali cresceram frequentando e por questões operacionais parou de funcionar", explicou Sérgio Poggi, um dos idealizadores do projeto.

Construído em 1919 para a disputa daquele Campeonato Sul-Americano, primórdio da Copa América e que, assim como ocorreu na última edição do torneio, foi conquistado pela anfitriã seleção brasileira, o estádio das Laranjeiras não recebe partidas oficiais do time profissional do Fluminense desde 2003.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol PaixãoPorFutebol

Recebeu treinos do elenco principal, que podiam ser acompanhados pelos sócios, até 2016, quando as atividades, totalmente fechadas, passaram para o novo centro de treinamento, na Barra da Tijuca.

Flu se torna o 5º clube mais vencedor da Sul-Americana

Com dois gols de Yony González, o Fluminense derrotou o Peñarol por 2 a 1. O Tricolor, graças ao resultado positivo fora de casa, tornou-se o quinto clube mais vencedor da história do torneio e o brasileiro de melhor aproveitamento.

Anteriormente, o São Paulo era a equipe do Brasil que mais havia obtido vitórias na Sul-Americana. Agora, o Flu, em 49 jogos, derrotou os adversários em 24 ocasiões, uma a mais em relação ao clube do Morumbi.

O Fluminense, por sua vez, ainda não levantou o título da Copa Sul-Americana. Seu melhor resultado foi em 2009. Na ocasião, chegou até a final, mas acabou sendo derrotado pela LDU de Quito.

Já o São Paulo, em uma decisão diante do Tigre, da Argentina, conquistou o torneio no ano de 2012.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo