Um dos jogos mais aguardados da primeira rodada do Campeonato Paulista terminou sem gols. Em jogo realizado na noite desta quinta-feira (23), no estádio da Vila Belmiro, em Santos, Santos e Red Bull Bragantino ficam no 0 a 0. O duelo teve mais de 12 pagantes nas arquibancadas

O jogo marcou a estreia do técnico Jesualdo Ferreira no banco de reservas do Peixe e também de alguns reforços do time de Bragança Paulista, que fez seu primeiro jogo oficial como Red Bull Bragantino.

O primeiro grande lance de perigo foi de um estreante do Massa Bruta, quando aos seis minutos Artur escapou pela direita, deixou a marcação na saudade e bateu com perigo contra o gol defendido por Everson.

E o goleiro santista teve que se esticar todo aos 25 minutos para mandar para escanteio um chute de fora da área de Claudinho.

A primeira grande oportunidade do time santista saiu aos 38 minutos, quando Carlos Sánchez arriscou de três dedos e a bola passou muito, mas muito perto do gol defendido por Júlio César. Aos 45’ novamente o uruguaio ficou perto de marcar em uma cobrança de falta que obrigou o goleiro do Red Bull trabalhar bem.

Segundo tempo

O segundo tempo foi bem mais movimentado, com as duas equipes arriscando mais.

Aos 16 minutos Pará, que antes da partida foi homenageado por conta dos 200 jogos com a camisa do Peixe, arriscou de longe e o goleiro Júlio César espalmou.

A resposta do Red Bull Bragantino veio aos 20 minutos quando Ytalo tabelou com Thonny Anderson, saiu na cara do gol e ai foi a vez do goleiro santista praticar grande defesa. Quatro minutos mais Ytalo novamente teve a chance de abrir o placar, mas desta vez foi o travessão quem impediu o gol do Massa Bruta.

Ao final da partida o goleiro Júlio César elogiou bastante a atuação de sua equipe. Apesar de achar que o time poderia ter saído com a vitória, ele buscou valorizar o ponto conquistado no campo do adversário. “Um ponto importante, mas dava para ganhar, tivemos várias oportunidades”, disse o arqueiro do Massa Bruta.

Como ficou

Mesmo não tendo vencido, o Santos larga na frente do grupo A com um ponto ganho.

Isso porque Ponte Preta, Oeste e Água Santa foram derrotados na primeira rodada. Na próxima segunda-feira (27), o Santos vai até Campinas pegar o Guarani.

Já o Bragantino soma um ponto e divide a terceira colocação de sua chave D com a Ferroviária. O time também volta a jogar na segunda-feira, quando recebe em Bragança Paulista a Inter de Limeira.

Ficha técnica

Santos: Everson; Pará, Luiz Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Marinho (Derlis González), Kaio Jorge (Raniel) e Eduardo Sasha (Arthur Gomes). Técnico: Jesualdo Ferreira.

Red Bull Bragantino: Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Barreto (Vitinho), Uillian Correia, Bruno Tubarão (Thonny Anderson) e Claudinho (Morato); Artur e Ytalo.

Técnico: Vinícius Munhoz

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Santos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!