O Departamento de Justiça dos Estados Unidos divulgou, na última segunda-feira (6), um novo indiciamento de executivos de Futebol. Ex-representantes da Fox, Carlos Martinez e Hernan Lopez foram os alvos da vez na investigação sobre esquema de corrupção na modalidade esportiva.

No documento há revelações sobre pagamento de propinas para a obtenção dos direitos de transmissão das partidas das Eliminatórias Sul-Americanas e da Libertadores. As informações são do portal UOL e foram publicadas pelo jornalista Jamil Chade.

Em um dos trechos do documento, a procuradoria indica a realização da transferência no valor de aproximadamente US$ 2 milhões.

A quantia teria saído das contas "em nome da emissora brasileira A, uma entidade conhecida do Júri". Contudo, não é citado o nome da empresa em questão, tendo esta sido mantida em sigilo. O dinheiro teria transitado pelos bancos HSBC em Nova Iorque e Citibank até chegar na conta da Datisa S.A. no Bank Hapolim (Suíça).

Caso recente também no futebol

Há três anos, em 2017, o Júri do tribunal de Nova Iorque também citou uma empresa do Brasil no caso. A TV Globo foi uma das mencionadas naquela ocasião. De acordo com depoimento da testemunha Alejandro Burzaco, à época, Televisa, Fox e MediaPro também estariam envolvidas no esquema.

Já em outro depoimento, o empresário Eladio Rodríguez citou que havia o pagamento de US$ 1 milhão a um ex-executivo da emissora brasileira, que seria Marcelo Campos Pinto.

A Rede Globo, então, naquele momento, negou quaisquer envolvimentos no caso de corrupção e garantiu "não tolerar nem pagar propinas".

Clubes brasileiros na Libertadores

O último clube a vencer a principal competição sul-americana foi o Flamengo, campeão em 2019, após derrotar, na final, o River Plate.

Os argentinos até saíram na frente, mas levaram a virada, por 2 a 1, com gols de Gabriel Barbosa, o Gabigol.

O maiores vencedores do país no torneio são: Grêmio, Santos e São Paulo, que têm três conquistas cada. Flamengo, Internacional e Cruzeiro possuem duas. Com um título aparecem Atlético-MG, Corinthians, Palmeiras e Vasco da Gama.

No geral, os argentinos Independiente (7) e Boca Juniors (6) são os que mais vezes ergueram a taça. O Peñarol, do Uruguai, com cinco, é o terceiro da lista.

Brasil nas Eliminatórias do futebol para a Copa

A Seleção Brasileira é a única presente em todas as edições da Copa do Mundo de futebol. Para tanto, precisou passar por várias Eliminatórias. Na última delas, a que valia para o Mundial de 2018, a equipe que foi comandada na reta final por Tite terminou na liderança, com 41 pontos em 18 rodadas.

Já a disputa que vale presença no Catar-2022 teve o início adiado em razão da pandemia mundial do novo coronavírus. A estreia brasileira é em casa e contra a Bolívia.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!