O Grêmio realmente quer Santos Borré. O atacante do River Plate é o grande desejo do Tricolor para a temporada de 2021. Visto como o nome ideal para integrar o elenco e elevar o nível da equipe, Borré já tem na mesa uma proposta milionária do Grêmio para se mudar para Porto Alegre.

De acordo com a apuração de jornalistas, o jogador tem em mãos uma proposta do Grêmio que supera a do Palmeiras. Pelo jogador ter aceitado a proposta do Palmeiras – que recuou por conta de questões financeiras – o Tricolor vê com otimismo as chances de fechar o negócio e contar com Borré em 2021.

Borré é salto de qualidade no Grêmio

O Grêmio formalizou nos últimos dias a proposta de pré-contrato com Santos Borré. Agora, o Tricolor apenas aguarda a resposta do jogador. O objetivo é contar com o centroavante já em junho, quando ficará completamente livre no mercado após encerrar seu contrato com o clube argentino.

Com interesse no jogador já há algum tempo, o Grêmio, enfim, formalizou uma oferta após as desistências de Palmeiras e São Paulo da negociação. Os altos valores pedidos pelo staff do jogador afastaram Santos Borré de São Paulo. Com uma proposta vantajosa, o Grêmio superou as cifras propostas pelos paulistas e encara com otimismo o desfecho positivo do negócio.

Proposta milionária do Grêmio por Borré

No primeiro contato entre Grêmio e o staff do atleta, a proposta montada pelo Grêmio contava com US$ 4,5 milhões (cerca de R$ 25 milhões) em luvas para assinatura do contrato, além de um salário na casa do US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 8,2 milhões) por ano, além de metas e bonificações. O jogador recusou a primeira investida e seguiu negociando com o Palmeiras, que até então estava firme no negócio.

A desistência do Alviverde do negócio em função dos altos valores pedidos pelo atacante esfriaram o negócio, e o Grêmio ficou com o caminho livre para fazer uma oferta que agradasse o atleta.

Então, o Grêmio subiu sua oferta inicial e colocou na mesa uma grande proposta pelo atacante colombiano. Segundo informações de Eduardo Gabardo, jornalista da Gaúcha ZH, os valores são de US$ 6 milhões em luvas (cerca de R$ 33 milhões), além de um salário anual de US$ 2 milhões (R$ 11 milhões), fora bônus e metas a serem acertados no acordo entre ambas as partes, bem como um contrato de pelo menos três temporadas.

As cifras ofertadas pelo Grêmio são as maiores recebidas por Borré. Na América do Sul, segundo especialistas, nenhum clube é capaz de cobrir a oferta do Tricolor. Com isso, o Grêmio vê otimismo para fechar com o atleta, que mostra desejo de fechar com o Grêmio, embora considere a negociação ainda complexa e difícil. O Grêmio ainda estaria disposto a entrar em um leilão pelo jogador do River Plate.

Siga a página Grêmio
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!