A temporada de 2021 do Grêmio começou com turbulência em todas as ações. Houve o anúncio de que o clube iria investir em reforços de peso após a derrota para o Palmeiras na final da Copa do Brasil, a proposta milionária por Santos Borré, o interesse em Douglas Costa, a negociação com Rafael Carioca e, enfim, o projeto de reformulação e rejuvenescimento da equipe.

Desde que o presidente Romildo Bolzan Jr. assumiu o cargo no Tricolor, o Grêmio sempre teve um claro direcionamento por dar oportunidade a meninos oriundos da base. Logo no primeiro ano Everton, Luan, Pedro Rocha, Walace, Arthur e tantos outros receberam oportunidade e se consolidaram como os grandes nomes da equipe.

Lembrando muito 2015, o Grêmio prepara uma mudança de filosofia dentro do clube e a remodelação do elenco passa também pela avaliação de que os pilares da equipe vencedora dos últimos anos envelheceram e os jogadores vindo de fora não corresponderam às expectativas criadas.

Agora, o Grêmio trabalha em um claro projeto de reformulação, que tem os meninos como os grandes pilares atuais e a espinha dorsal da equipe que começa a dar sinais de formação.

Grêmio aposta nos meninos

Para a temporada de 2021, assim como em 2015, o Grêmio aposta nos meninos para deslancharem e serem os grandes nomes da equipe na caminhada rumo aos títulos. Não à toa, Léo Chú, Léo Pereira, Guilherme Azevedo, Victor Bobsin, Fernando Henrique e Ricardinho têm ganhado tantas oportunidades nas últimas semanas e correspondido tão bem às expectativas.

Com sua ótima safra, o Grêmio espera suprir ausências importantes nos últimos anos, como presença de bons nomes no banco de reservas e um grande jogador capaz de desequilibrar, algo que ficou em aberto após a saída de Everton Cebolinha para o Benfica. Atualmente, o nome mais falado internamente é o de Jean Pyerre, que tem tido nova postura com a virada de temporada.

O camisa 10 tricolor é constantemente elogiado nos treinamentos e mostra a cada jogo sua evolução e retomada. Já no confronto diante do Del Valle, Jean criou pelo menos três oportunidades claras para matar o confronto, além do gol anotado no primeiro tempo da partida na Arena do Grêmio.

Grêmio quer jogadores experientes que somem

Com o investimento na base, o Grêmio deve apostar, na realidade, em jogadores experientes pontuais, como o caso de Rafinha e Thiago Santos, por exemplo. Jogadores estratégicos, com bagagem e que possam suprir carências ao longo da temporada e garantir variações no esquema tático do próximo treinador.

Pensando em rejuvenescer o elenco, o Grêmio ainda deve realizar dispensas nos próximos dias, tal como aconteceu com David Braz, Vanderlei e o afastamento de jogadores como Paulo Victor, que aguarda consultas para seguir sua carreira longe de Porto Alegre.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Grêmio
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!