O Covid-19 [VIDEO] chegou com força no continente africano, desde a semana passada o vírus avança. Assim como nos demais lugares, o coronavírus aumenta de forma vertical. Já são 40 países com casos de infectados pela doença. Alguns países, como a África do Sul, já adotam medidas de isolamento social.

A África também enfrenta a falta de testes para ter uma maior precisão dos números de infectados e também de mortos pela doença. Na última quinta-feira, a diretora da OMS África, Matshidiso Moeti, fez um alerta, "A situação [em África] está a evoluir muito rapidamente".

África do Sul faz confinamento contra o coronavírus

Hoje (23), o presidente Cyril Ramaphosa anunciou o confinamento na África do Sul. Homens do exército já ocupam as ruas da capital do país. O confinamento inicialmente vai durar 21 dias no país africano, começando na próxima quinta-feira, 26 de março, e vai até o dia 16 de abril. Os moradores só poderão sair de casa em caso extremamente necessário.

O país tem a situação mais crítica da África, já são mais de 400 infectados pelo novo coronavírus com mais de 12 mil testes realizados.

A partir desta terça-feira (24), todas as praias da Cidade do Cabo estarão fechadas. Só os serviços essenciais estarão funcionando como supermercados, bancos e farmácias. Todos os outros comércio estarão fechados.

São mais de 1.600 casos de coronavírus na África

Os últimos balanços apontam que passa de 1.600 casos de Covid-19 em 40 países da África e territórios do continente. Desde o registro do primeiro doente, a União Africana garante que já são 169 pacientes recuperados em 11 países.

Até agora são 52 os números de mortos na África, só no Egito esse número são de 14 mortes registradas. O país é o segundo com o maior número de infectados (327). De acordo com o embaixador brasileiro no Egito, Antonio Patriota, 135 brasileiros pediram ajuda à embaixada que vem tratando os casos desde segunda-feira da semana passada.

Amanhã (24), mais de cem brasileiros devem voltar para casa em um voo organizado pela embaixada do Brasil em Cabo Verde.

Assim deve ocorrer com outros brasileiros que estão em outros países da África.

Veja os 13 países africanos que já registraram morte pelo coronavírus: Egito, Argélia, Marrocos, Tunísia, Burkina Faso, Gabão, Sudão, Maurícias, Gana, República Democrática do Congo, além da Nigéria, Gâmbia e Zimbabué, que anunciaram hoje os primeiros óbitos associados à doença.

De acordo com o portal Worldometer, o continente conta ainda com 145 doentes recuperados, números que baixam o total de infeções ativas para 1.565.

Vale ressaltar que o pico da doença será em abril/maio na África e não há previsão do quão pode ser devastadora a doença na região, lembrando que alguns países enfrentam problemas de saneamento básico há décadas.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!