Às vésperas de lançamento do seu sexto álbum de estúdio, "Norman F***ing Rockwell", Lana Del Rey lança trabalho novo, o cover de "Doin' Time", da banda Sublime. A música foi gravada em 1996, com um estilo que atravessa o rock alternativo e chega ao reggae de uma forma bastante melódica.

Publicidade
Publicidade

O cover está presente no novo documentário sobre a banda, dirigido por Bill Guttentag, que apresenta a jornada da Sublime desde o seu início em 1988, na Califórnia. Os fãs se animam com a nova Música que originalmente pertence ao estilo do rock, este majoritariamente presente no"Ultraviolence", um dos álbuns mais aclamados da cantora, chegando a estrear em número #1 na parada de discos americana Billboard. A canção traz a identidade da artista de álbuns anteriores, o que pode até ser confundido como peça de suas compilações.

Lana Del Rey (Reprodução/Instagram/@lanadelrey)
Lana Del Rey (Reprodução/Instagram/@lanadelrey)

A vibe que soa na música é perfeita para o verão do hemisfério norte, e a melodia, apesar de ser diferente da original, não poderia ser melhor representada pela cantora.

Lançamento do álbum novo

A estética do álbum deixa todos ansiosos. A promessa é que traga a influência de artistas como Sylvia Plath (poetisa e escritora americana que se assemelha bastante à Lana por seu estilo melancólico), Norman Rockwell (artista plástico americano que inspirou o nome do álbum), além da sonoridade composta por Red Hot Chilli Peppers, solos de guitarra e um estilo mais acústico.

Publicidade

O que deixa a oportunidade de ser o melhor trabalho da artista, justamente por ter uma sonoridade limpa, livre de efeitos e batidas computadorizadas. O que agrada os fãs da "vintage music" como ela se autointitula em "Love" (single do "Lust For Life", seu último álbum lançado), mas consequentemente afaste o público pop mainstream, o que não deixa de ser favorável para Del Rey, já que suas gravações chegam a vender mais de um milhão de cópias mesmo sem nenhuma ou com poucas divulgações, por serem trabalhadas com um estilo único e com uma atmosfera cinematográfica digna de alcançar o topo das plataformas digitais de vários países.

O público está ansioso por causa da demora de lançamento dos singles, o que é perdoado pois a musa do indie sempre lança snippets, deixando uma amostra para aqueles mais impacientes.

"Norman F***ing Rockwell" ainda não tem data para ser lançado, apesar da cantora ter afirmado recentemente no Twitter que o álbum já está pronto. Também não há confirmação se a canção "Doin' Time" estará presente no álbum, que por enquanto, só conta com três singles: "Mariners Apartment Complex", música lançada em setembro de 2018, apresentando a estética do álbum;"Venice B***h", também lançada em setembro e bastante aclamada pela crítica, como uma balada de quase 10 minutos que faz você viajar e não querer mais que acabe e "Hope Is A Dangerous Thing For A Woman Like Me To Have - But I Have It", que traz uma sensação de autoanálise e uma reflexão introspectiva, se comparando à Sylvia Plath.

Publicidade

Leia tudo