A novela "Salve-se Quem Puder", que estreou na última segunda-feira (27), conta a sua história por meio de um tom exagerado e que a distancia da realidade. Esse tom, por sua vez, é bastante comum a algumas Novelas mais antigas da faixa das 19h e parece estar agradando ao público, visto que a audiência da trama de Daniel Ortiz foi bastante alta em seus três primeiros capítulos.

De acordo com informações do site Notícias da TV, desde o furacão presente na novela, toda a trama de Kyra (Vitória Strada), Luna (Juliana Paiva) e Alexia (Deborah Secco) foi marcada pelos exageros, de forma que a ideia do autor de "Salve-se Quem Puder" parece ser atingir a popularidade com as tramas por meio desse recurso e das belas paisagens usadas como cenário para essa primeira fase da novela.

Apontando alguns outros exageros da novela, o Notícias da TV destacou que desde o primeiro capítulo da trama, Kyra foi a responsável por gerar uma confusão quando estava assistindo a uma peça de teatro. Na ocasião, Alexia estava atuando e não ficou nada satisfeita quando viu a personagem de Vitória Strada ganhando mais destaque do que ela.

Posteriormente, a protagonista de "Salve-se Quem Puder" ainda foi pedida em casamento por seu namorado durante uma chuva. Para coroar os exageros, ainda no primeiro capítulo da novela, uma arma foi disparada em um avião, fazendo com que um acidente acontecesse após os disparos.

Site avalia as personagens da novela

Devido aos fatos destacados, para o Notícias da TV, Kyra é o mais perfeito exemplo de todos os exageros presentes na trama das 19h por ser uma pessoa bastante desastrada.

Para o site em questão, a atriz Vitória Strada recebeu a melhor entre as três protagonistas escritas por Daniel Ortiz, mas ainda não conseguiu acertar por completo o tom de sua personagem. Entretanto, segundo o Noticias da TV, está sendo bom ver Vitória se afastando do tipo de personagem chorosa que ela normalmente interpreta nas novelas da Globo.

Sobre a Luna de Juliana Paiva, o Notícias da TV afirmou que esse é o papel mais difícil de interpretar entre o trio que protagonista "Salve-se Quem Puder". De acordo com o site, o romantismo da personagem, assim com o passado marcado pela abandono materno, faz com que Luna viva em um universo que se assemelha às novelas mexicanas.

Além disso, trata-se da personagem responsável por carregar a carga dramática da novela e se tratar de uma construção um pouco mais clássica que as demais. Entretanto, para o site citado, isso também é o que faz com que a personagem de Juliana Paiva tenha o maior potencial de sucesso com os telespectadores.

Por fim, o site destacou que a Alexia de Deborah Secco está demonstrando que a atriz está repetindo um erro cometido por ela em momentos anteriores da carreira: o sotaque paulistano. Além disso, o personagem deslumbrado é algo que Deborah já teve a oportunidade e de viver ainda na novela Celebridade, de 2013.

Siga a página Novelas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!