Quem tem Bitcoin precisa ficar de olho no projeto da Intel, que está desenvolvendo um processador quântico de 17 qubits. A intenção é usá-lo principalmente em pesquisas, só que muitos vão querer ver esta super máquina revelando os códigos que garantem a proteção da moeda virtual.

Há outras empresas trabalhando no projeto de um processador quântico, mas a Intel conseguiu um rápido avanço em seu projeto e poderá tornar viável os primeiros computadores quânticos.

Publicidade
Publicidade

Só que a Intel não é a única a tirar o sono de quem investe em Bitcoin. O Google, por exemplo, está desenvolvendo um processador de 20 qubits e isto ainda é pouco, se levarmos em consideração o projeto da D-Wave, que está criando um computador com 2 mil qubits. Isso significa que a segurança que garante a existência do Bitcoin será transformada em nada.

Só que o projeto da Intel é ainda mais ambicioso, porque a empresa quer não só criar o processador quântico, mas também, torná-lo popular.

Bitcoin tem o futuro ameaçado pelo novo processador quântico da Intel
Bitcoin tem o futuro ameaçado pelo novo processador quântico da Intel

A IBM também está trabalhando neste sentido e já tem em desenvolvimento um computador de 17 qubits, que pode chegar ao mercado bem antes do que se imagina. Ressaltando que 'qubits' significa 'bits quânticos' e é a forma de descrever a potência do processador de um Computador Quântico.

A Intel não quis dar maiores detalhes sobre um dos seus mais ambiciosos projetos, entretanto, revelou que não foi à toa que escolheu 17 qubits. A empresa explicou que essa é a menor quantidade para executar os algoritmos, para corrigir erros no processo.

Publicidade

A D-Wave já fez um teste com computador quântico ao lado de um dos modelos mais modernos da atualidade, surpreendo a todos com o resultado. Em menos de meio segundo, o computador quântico resolveu o problema, enquanto a outra máquina demorou meia hora. Um computador quântico é quase 4 mil vezes mais rápido que um computador atual com excelente configuração.

Ninguém duvida que hoje, a rede blockchain é extremamente segura, só que o avanço do computador quântico é um sério problema para o Bitcoin.

A segurança da rede blockchain pode ser quebrada tranquilamente por um computador quântico e aí que vem a pergunta: o que será feito?

Parece que a comunidade está esperando o problema acontecer, para buscar uma solução, quando o ideal seria trabalhar nisto agora, para que, quando chegar ao mercado os computadores quânticos, eles não conseguissem levar ameaça à existência do Bitcoin.

E diante deste possível caos, a Iota surge com uma nova Tecnologia e seria extremamente beneficiada.

Publicidade

Você acha que o Bitcoin deixará de existir com a chegada do computador quântico? A Iota terá uma super valorização com a chegada dos computadores quânticos? Deixe abaixo a sua opinião.

Leia tudo e assista ao vídeo