O funkeiro mc gui, de 18 anos de idade, criou polêmica ao compartilhar nas redes sociais com os fãs uma foto dele beijando a própria irmã, Stefani Castanheira, na boca. De quebra, a moça aparece sentada no colo dele na imagem.

Muitos seguidores não gostaram, achando a atitude - que flerta com o tabu do incesto - nada adequada para ele tratar a maninha. Outros acharam simplesmente um exibicionismo desnecessário e vulgar.

Publicidade
Publicidade

Houve, porém, quem defendesse o par, não visse nisso mais do que o mais puro e louvável amor fraternal em ação e elogiasse a proximidade e cumplicidade entre os dois.

Enfim, se o objetivo era chamar atenção, o sucesso dificilmente poderia ter sido maior: as redes sociais pegaram fogo com a discussão entre defensores e detratores dos dois.

Não é a primeira vez que o funkeiro - que começou a carreira artística ainda criança e passou a faturar dezenas de milhares de reais por mês e a estudar em casa por conta da agenda apertadíssima - se vê envolvido em uma polêmica.

Publicidade

A mais triste foi a morte do irmão do músico, Gustavo, em 2014. Segundo laudo da perícia, a causa do falecimento do jovem de 17 anos foi uma overdose de cocaína, que causou uma parada respiratória. A mãe do rapaz disse que ficou chocada ao saber do resultado, pois o rapaz dizia não aceitar o uso desse tipo de droga.

MC Gui disse que já tinha visto o irmão (que o ajudava na produção) com maconha e que dava bronca nele, tentando fazê-lo se livrar da "erva" proibida.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos

Afirmou que nunca tinha visto o rapaz usando drogas mais pesadas. A namorada do irmão do funkeiro disse que, às vezes desconfiava, que ele usasse alguma droga forte, por causa das mudanças no comportamento dele, mas só chegou a vê-lo com maconha.

Quaisquer que sejam as interpretações dadas à brincadeira de MC Gui e Stefani, é bom ver que os dois conseguiram seguir em frente depois de uma perda tão brutal quanto a que sofreram.

Na época em que foi divulgado o laudo, o artista fez um apelo para que as pessoas não desperdiçassem suas vidas usando drogas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo