Você provavelmente já deve ter ouvido falar em nando moura, responsável pelo canal que leva seu próprio nome na plataforma online de vídeos Youtube, que possui atualmente mais de 1,4 milhões de inscritos. Na última sexta-feira (15), Nando Moura publicou um vídeo em seu canal intitulado "Whindersson Nunes - 7.5 Milhões do NOSSO DINHEIRO!", onde demonstra total insatisfação pela aprovação para captação de recursos para o filme sobre a vida de Whindersson por meio de incentivos fiscais.

Após declarações de Nando Moura, diversos fãs de Whindersson Nunes deixaram comentários nas redes sociais do humorista buscando algum tipo de satisfação, ou pelo menos demonstrar sua indignação pela notícia envolvendo o Youtuber.

Moura: longa sobre Whindersson deve ser auto-financiado

Em seu vídeo, Nando Moura demonstra confiança em dizer que Whindersson Nunes poderia muito bem financiar seu próprio filme sem a utilização de recursos provenientes de incentivos fiscais, tais como a Lei Rouanet. Ele até mesmo sugeriu que o humorista solicitasse ajuda de seus inscritos com a possibilidade de ganhar um ingresso para assistir ao longa metragem nos cinemas.

Para Nando, para um canal com mais de 23 milhões de inscritos, facilmente seria possível conseguir uma boa quantia para a produção do filme.

Caso aceite recursos públicos, declínio do canal será quase inevitável

Nando diz para Whindersson que, caso aceite que seu filme seja produzido com tais recursos, seu canal com certeza irá sofrer uma perda de inscritos e consequentemente de visualizações.

Como exemplos para seus argumentos, Nando citou casos em que outros canais bem conhecidos do Youtube aceitaram algum tipo de incentivo fiscal e depois disso sofreram um grande declínio, tais como Kéfera, Christian Figueiredo e Porta dos Fundos; isso porque, conforme dito por Nando, "O povo não esquece".

Irritado, Nunes rebate Moura

Em um vídeo respondendo às acusações, Whindersson Nunes aparece irritado com toda essa situação para dar as devidas explicações sobre essa notícia. Em seu vídeo, Whindersson ressalta para todos que tudo relacionado ao desenvolvimento do longa metragem não é gerenciado por ele, mas sim pela produtora cinematográfica responsável pela gravação. "Eu sou o ator do filme, quando receber o roteiro eu decoro e gravo" disse Whindersson aos fãs que imaginaram que os 7,5 milhões de reais estivessem em posse do humorista.

Na verdade, apenas foi divulgado que o filme tem autorização para, se for preciso, captar esse valor por meio dos incentivos fiscais. Expressando sua indignação ao citar outros filmes de artistas que foram gravados com recursos provenientes de tal lei, declarou ainda que, no que depender dele, não serão utilizados recursos públicos na produção deste filme.

"Essa notícia não sai", desabafa Whindersson Nunes

Para aqueles que acompanham a trajetória do Youtuber, a origem humilde de Whindersson não é nenhuma novidade.

Embora seja hoje um grande sucesso por todo o país, não permitiu que isso o tornasse em alguém duro e arrogante.

Ao ser confrontado por comentários de fãs pedindo que doasse essa quantidade para ONGs e outras entidades, Whindersson desabafou ao relembrar que na semana anterior conseguiu arrecadar cerca de 350 mil reais para uma instituição que cuida de crianças com câncer, e que o show que será gravado em dezembro deste ano também terá toda sua verba destinada a instituições de caridade.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo