A Folha de S. Paulo fez reportagem mostrando que o cantor Caetano Veloso tirou a virgindade de sua atual esposa, Paula Lavigne, quando ela tinha apenas 13 anos de idade. O fato, de acordo com a informação, aconteceu na festa de aniversário de 40 anos do cantor. Na oportunidade, Caetano teria levado a jovem para o seu quarto e cometido o ato libidinoso. O Movimento Brasil Livre - MBL e Alexandre Frota trouxeram o assunto à tona.

Mais adiante, após 4 anos, Lavigne e Veloso se casaram. Após algum tempo vieram os filhos e o casal se separou, no entanto, depois de alguns meses separados, o cantor e Paula retomaram o casamento e estão juntos até hoje.

O MBL e Alexandre Frota falaram sobre essa suposta Pedofilia cometida por Caetano Veloso e, em seguida, o cantor foi à Justiça para processar o agrupamento político e o ex-ator pornô. O assunto ganhou força nas redes sociais e logo a tag #CaetanoPedofilo apareceu nos top trends do Twitter mundial. Um seguidor das redes sociais, inclusive, indagou sobre se o cantor irá processar a todas as pessoas que estão subindo a tag de pedofilia envolvendo o nome dele. “Não é só a voz do povo: é o óbvio. E aí, Caê? Vai processar a internet inteira?”, perguntou um seguidor.

Paula Lavigne, que atualmente está com 29 anos, teria dito para a Folha de S.

Paulo que perdeu a virgindade com 13 anos com o seu atual marido. Ela, de acordo com informações, fez os comentários e os mesmos também estarão presentes na próxima edição da revista “Playboy”. Em um dos trechos da entrevista da produtora e atriz, esposa de Caetano, ela revela que, quando era menor de idade e frequentava a escola, costumava usar saia e cobrar aos garotos valores em dinheiro para que ela abaixasse a roupa e os meninos vissem o que havia por baixo.

Procurada para falar sobre o ocorrido, Paula se disse revoltada e decepcionada por ter ocorrido o vazamento das informações que ela deu à “Playboy”. Em uma entrevista, Lavigne disse que foram feitas em torno de 20 perguntas e ela respondeu a todas. Paula e Caetano Veloso são defensores ferrenhos da liberdade de expressão e da liberdade da arte e da cultura.

Inclusive, o casal defende a questão da apresentação artística envolvendo um homem nu e crianças em museus, como o acontecido no MAM.

Quando perdeu a virgindade com 13 anos, a lei vigente era a do ano de 1982 – ainda com o Código Penal de 1940. Nessa época, sexo com menores de 14 anos era, como ainda é, considerado crime e, caso os pais da garota tivessem feito a denúncia, provavelmente Caetano Veloso seria preso pela Justiça brasileira. E você, o que acha dessa revelação da esposa de Caetano Veloso? Deixe o seu comentário.

Não perca a nossa página no Facebook!