A novela bíblica e contemporânea “Apocalipse” nem estreou na tela da RecordTV e já criou grande discussão sobre um dos seus personagens. Acontece que a trama, que abordará os acontecimentos do fim dos tempos, terá vários personagens polêmicos.

Porém, um dos personagens gerou polêmica antes mesmo da estreia de “Apocalipse”, que acontecerá no dia 21 de novembro, uma terça-feira, às 20h30, na tela da RecordTV.

Personagem polêmico

O personagem será um padre manipulador chamado Stefano, que será interpretado pelo grande ator Flávio Galvão. Acontece que surgiram rumores que o personagem mexerá com a Igreja Católica e seus seguidores.

Porém, não será bem assim, pois, ao mesmo tempo, a nova trama bíblica de Vivian de Oliveira também terá um personagem que interpretará um pastor com a sua igreja evangélica. O pastor Ezequiel, que será vivido por ZéCarlos Machado, o mesmo ator que vive o vilão Fassur, o falso sacerdote da novela “O Rico e Lázaro”, de Paula Richard.

A novela “Apocalipse” promete abordar todas as religiões e aqueles que escolherem seguir a Deus serão arrebatados e salvos para o Reino dos Céus, antes de chegar o domínio mundial do anticristo, que será vivido por Sérgio Marone, como Ricardo Montana.

Padre x pastor

Independentemente das religiões, os adeptos ou não terão de fazer a escolha pessoal pela salvação da alma. Com isso, o padre Stefano, o pastor Ezequiel e outros líderes religiosos também terão que escolher seguir a fé, independente de qual seja a igreja de cada personagem.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Novelas

Porém, a polêmica surgiu porque a chamada do líder religioso católico será um padre italiano manipulador. O personagem surgiu na tela da Record falando que manipulará os que o seguem e as palavras do padre Stefano, o que já levantou vários boatos que a trama pode mexer com a Igreja Católica e seus fiéis.

No caso do ator ZéCarlos Machado, o personagem dele pode ser um pastor do lado bem, sem criar polêmicas contra os evangélicos. A probabilidade de ele surgir como um pastor do bem é grande, já que em “O Rico e Lázaro” faz um sacerdote vilão.

Grandes acontecimentos e anticristo

De acordo com Vivian de Oliveira, a mesma autora do grande fenômeno “Os Dez Mandamentos”, o novo folhetim irá abordar principalmente os eventos descritos no livro bíblico Apocalipse em detalhes na sua novela.

Além dos personagens polêmicos do padre e pastor, a novela entrará com tudo na dominação geral do anticristo, pois o personagem bem conhecido será um grande vilão na novela bíblica.

A expectativa de que os vilões durem mais tempo na novela é grande.

Acontece que os personagens conhecidos como mocinhos da trama sejam arrebatados e os respectivos atores deixam a novela antes do término. Com isso, a torcida dos atores para serem vilões é grande dentro do elenco e no set de gravações da Casablanca, principalmente se forem cúmplices do anticristo.

Com isso, se o padre Stefano for um religioso vilão, o ator Flávio Galvão durará mais tempo na trama do fim do mundo.

Ao contrário do pastor Ezequiel, que, se for um verdadeiro seguidor de Cristo, será arrebatado. Com isso, o ator deixará logo a novela.

Talvez esse seja um dos motivos do ator Guilherme Winter preferir fazer o principal vilão na nova novela das sete e meia da Record, “Rosa Choque”, nome provisório da trama de Cristianne Fridman. “Apocalipse” tem previsão de estreia para o dia 21 de novembro, enquanto “O Rico e Lázaro” terminará na véspera, dia 20, uma segunda-feira, às 20h30, na RecordTV.

Confira no vídeo abaixo a polêmica da troca dos protagonistas da novela "Apocalipse":

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo