Um dos maiores sucessos de audiência do SBT e um dos poucos programas ao vivo da casa, o ‘’Fofocalizando’’ já entrou para a lista de programas polêmicos da TV brasileira. Tudo começa com o conteúdo do próprio programa. que mostra as Fofocas dos artistas e comentários sobre a vida alheia.

Se você acha ruim o assunto, saiba que tem muita gente que se interessa e, inclusive, muitos artistas estimulam a ‘’boa fofoca’’, pois os tornam lembrados e falados. O programa tem ao todo seis apresentadores, mas eles atuam sob escala.

Eles também não são remunerados de forma igual. Os valores não são pequenos, mas a diferença entre eles mostra que há um verdadeiro abismo entre alguns deles e a situação piora quando se tratam de rivais, como, por exemplo, Lívia Andrade e Mara Maravilha.

Completam o elenco do programa, ainda, Leão Lobo, Mamma Bruschetta, Decio Piccinini e Leo Dias.

Salários diferentes, brigas nos bastidores

O colunista Ricardo Feltrin, do portal de notícias UOL, revelou que os salários são diferentes e, por conta disso, haveria uma disputa e acusações nos bastidores. Por exemplo, Mamma Bruschetta, Décio Piccinini, Mara Maravilha e Leão Lobo teriam o mesmo salário. Os vencimentos deles estariam por volta de R$ 25 mil, o que não é nada ruim.

O problema é que Décio, por exemplo, também atua as segundas-feiras como jurado do ‘’Programa do Ratinho’’. Então, na prática, estaria recebendo menos. Mas a diferença mesmo fica quando considerados os salários de Lívia Andrade e Leo Dias. Mara Maravilha também tem um posto no ‘’Programa Silvio Santos’’, no quadro ‘’Jogo dos Pontinhos’’ e não recebe nada mais por isto.

Lívia é quem tem o maior salário entre eles. O total seria de R$ 35 mil, e a justificativa seria exatamente ter um posto fixo no ‘’Programa Silvio Santos’’, no mesmo quadro que divide com Mara. Esse seria um dos motivos da rivalidade entre a loira e a morena.

Já Leo Dias, último integrante a entrar para o programa, estaria recebendo ‘’apenas’’ R$ 15 mil e, na prática, é quem traz as notícias mais bombásticas do programa. Entre os seis, Feltrin explica que há brigas internas, acusações de estrelismo, queixas e exigências de igualdade salarial, além de críticas diretas nas redes sociais.

Os integrantes fazem jus ao nome do programa e, além do que é levado ao ar na TV, há um grande mal-estar entre eles nos bastidores. Achou justo?

Mais notícias do SBT

Silvio Santos 'admite fim da carreira de apresentador': 'Quero beijar bocas’ [VIDEO]

Lívia Andrade conta toda verdade sobre briga com Mara e estremece SBT [VIDEO]