Anúncio
Anúncio

Desde que assumiu a homossexualidade e o namoro com Priscila Visman, Bruna Linzmeyer se tornou nome ativo na luta pelos direitos de pessoas LGBTQ. Nesta quarta-feira (13), dia em que está sendo julgado no STF ações sobre a criminalização da homofobia, a atriz usou as redes sociais para publicar foto em que aparece beijando a namorada como sinal de protesto contra o preconceito.

Bruna Linzmeyer citou comentários homofóbicos em suas redes sociais

No ar como Maria de Lurdes, na novela "O Sétimo Guardião", da Rede Globo, Bruna Linzmeyer é uma das atrizes mais bem sucedidas de sua geração, e através de sua força pública expõem suas opiniões, na maioria das vezes gerando polêmica entre os internautas.

Anúncio

Atriz que no mês de janeiro posou para capa da revista Marie Clarie e exibiu pelos nas axilas, levantou discussões sobre a liberdade de uma mulher seguir seus próprios padrões.

Dessa vez, Bruna resolveu abordar a criminalização da homofobia e através de uma foto divulgada em seu Instagram, junto da namorada, levantou mais uma questão polêmica e falou sobre ataques homofóbicos que já teria recebido através de suas redes sociais pelo fato de namorar uma mulher.

"Quantos acham essa foto desnecessária? Quantos e quantas dizem: 'Pra quê?'. Ser lésbica tudo bem, mas ninguém aguenta mais você falando sobre isso. Não precisava", escreveu a atriz fazendo questão de deixar claro que seu Instagram pertence a uma mulher lésbica, e que nada mais natural suas publicações.

Anúncio

Continuando com sua abordagem sobre o assunto, Linzmeyer refletiu que todo o preconceito destilado em suas redes sociais, nada mais seria que um possível reflexo da sociedade.

Atriz falou sobre as dificuldades enfrentadas pelos homossexuais na sociedade

O desabado de Bruna Linzmeyer em forma de protesto não parou por aí, atriz fez questão de citar os noticiários que frequentemente estampam reportagens sobre violências e homicídios contra pessoas LGBTQ: "Só porque essas pessoas são lgbtq", lamentou a artista.

A global também falou sobre os dramas enfrentados por homossexuais em sociedade, e citou como exemplo a dificuldade de conseguirem empregos ou alugarem um imóvel. Diante dos fatos, Bruna informou seus seguidores sobre a votação no Supremo Tribunal Federal que julgaria se a homofobia passaria a ser crime no Brasil.

Anúncio

Torcendo pela criminalização dos atos homofóbicos, a atriz apareceu em momento de intimidade com a namorada. Bruna Linzmeyer e Priscila Visman assumiram o namoro em março de 2017, e através das redes sociais dividem momentos do dia a dia do casal com os internautas.