Depois de uma enxurrada de 'unfollow' o próximo a deixar de seguir Marina Ruy Barbosa foi José Loreto. A polêmica entre eles começou depois que o ator que faz o Júnior em 'O Sétimo Guardião', se separou da esposa, Débora Nascimento, que está no ar com "Verão 90". Segundo informações preliminares de Leo Dias, Marina Ruy Barbosa seria a pivô da separação. Posteriormente o mesmo jornalista descobriu que o nome da ruiva teria sido uma suposição da esposa traída, depois de ver uma troca de mensagens íntimas entre Loreto e uma mulher da Globo.

Publicidade

Ainda no 'Fofocalizando', Leo disse que uma de suas fontes de informação teria dito que a verdadeira pivô seria uma 'novinha' do núcleo jovem de atores da emissora. Por outro lado, Marina sempre negou ter qualquer relação com o ex de Debora, a não ser profissional.

Por conta da polêmica que envolveu o nome da ruiva, celebridades como Bruna Marquezine, Thaila Ayala e Giovana Ewbank decidiram deixar de seguir Marina no Instagram. Em tempo modernos, isto é quase como acabar com a amizade no mundo real.

A repercussão desta sequência de 'unfollow' repercutiu na imprensa e inclusive entre os fãs das que deixaram de segui-la. Bruna e Giovana, por exemplo, perderam juntas quase 400 mil seguidores.

Loreto contrata empresa para gerenciar sua rede social e descurte Marina

Segundo o próprio Loreto, ele errou com a esposa, dando a entender que teria a traído em troca de mensagens, mas garante que nada aconteceu 'na vida real'. A pivô seria uma novinha da Globo, mas chegou-se a falar que ele também se relacionou com uma atriz mais experiente do elenco da novela 'O Sétimo Guardião'.

Publicidade

Depois da grande repercussão da separação do ator sua esposa e Marina, que é casada com Xande Negrão desde 2017, ser envolvida, Loreto decidiu contratar uma empresa especializada em cuidar de perfis de Famosos, e deu 'unfollow' na colega. A informação foi revelada pela coluna de Marina Caruso, do jornal 'O Globo', ou seja, da mesma empresa dos envolvidos.

Ainda, segundo a jornalista, a mesma empresa teria ajudado o rapaz a escrever a nota de pedido de desculpas à esposa. É o mesmo post no qual ele assume que errou publicamente, mas diz que nada aconteceu, além de uma troca de mensagens eletrônicas com a suposta pivô, que até agora não teve seu nome revelado.

Sobre deixar de seguir Marina, esta seria uma recomendação também da empresa. Marina Caruso ainda revela que o fato de contratar empresas para gerenciar as 'crises públicas' nas redes sociais, é algo muito comum no mundo das celebridades.

Veja a última postagem de Loreto nas redes.