A trama das 21h da Rede Globo, O Sétimo Guarião, terá uma série de mortes na reta final, justamente para que o autor possa se concentrar nos melhores personagens. Recentemente, Aguinaldo Silva acabou excluído de uma reunião entre os diretores da novela e o elenco.

A reunião teria rolado em um clima ameno e teria servido para que a emissora se desculpasse por conta dos transtornos com o elenco ao longo dos últimos dias. De todo modo, a Globo confirmou a reunião, mas não revelou em detalhes o motivo da pauta.

Publicidade

A verdade é que a novela não decolou e viveu problemas sérios nos bastidores. Desde o primeiro capítulo a trama tem problemas. É que, na oportunidade, alunos de Aguinaldo reivindicaram a autoria da ideia e do episódio de 'start' da trama. O autor incluiu o nome de seus alunos nos créditos do capítulo e ainda responde na Justiça, junto com a Globo, um processo aberto pelos próprios aprendizes.

Sem contar que um figurante morreu durante as gravações, uma briga entre Lília Cabral e Marina Ruy Barbosa foi relatada, os protagonistas curtiram postagens nas redes sociais que criticavam a história e, por fim, a separação de Loreto, que causou um termendo transtorno nos bastidores. Relatos dão conta que aconteceu até bate-boca entre a ruiva e o ex-marido de Débora Nascimento.

Novela terá mortes 'a granel'

Para tentar atrair a atenção do público nos momentos finais da trama, a promessa do autor é inserir um serial killer na história que matará muitos personagens. Além disto, alguns outros serão esquecidos ou retirados da novela.

Segundo o site de notícias UOL, Fabim será o primeiro a desaparecer. Ele será acusado injustamente de assédio à Marilda e será expulso de Serro Azul. A cena será uma crítica ao caso do ator José Mayer. Firmina e Mattoso também se despedem da trama, sem grande alarde.

Publicidade

Na sequência, o matador em série fará sua primeira vítima, Joubert Machado (Milhem Cortaz), o delegado. Ainda estão previstas as mortes de Feliciano e do Padre Ramiro, que também são guardiães.

Gabriel sofre atentado em meio a mortes da trama

Neste ínterim, Gabriel também levará um tiro. Entretanto, não será do matador anônimo. Ele terá uma surpresa vinda de alguém conhecido. Será o capataz de Olavo, Sampaio, que vai tentar lhe matar, mas não terá sucesso.

Tudo começará quando Olavo explodir a adutora que traz água da nascente até os moradores da cidade.

O prefeito autorizará a entrada da população no casarão e, nesta confusão, Gabriel será baleado e ficará entre a vida e a morte. De toda sorte, ele acabará se salvando e sendo personagem fundamental até o final da novela.

A trama terá como mote final o mistério em torno do assassino em série. Os guardiães que ficarem vivos descartarão Olavo (Tony Ramos) e Valentina (Lilia Cabral) porque a fonte com água milagrosa terá secado. Sem terem motivos para matar os concorrentes pela água, eles não serão considerados na lista de criminosos.

Publicidade