Nos próximos capítulos da novela A Dona do Pedaço, Maria da Paz decidirá colocar um ponto final na briga entre os Ramirez e os Matheus, sendo que para isso irá promover uma reunião com às duas famílias.

Ela já tentou isso no passado e o resultado foi trágico, pois, o noivo foi baleado justamente no momento em que estavam na igreja se casando, mas agora a boleira acredita que conseguirá encerrar essa rivalidade entre as famílias.

A reunião será realizada no escritório da boleira, sendo que Amadeu e Rael estarão representando os Matheus, enquanto os Ramirez serão representados por Evelina, Adão, Chiclete e Mão Santa.

Assim que todos chegarem para o encontro, Maria da Paz avisará que o motivo de estarem ali é que será feito um pacto entre eles e Amadeu já irá avisando logo que ele e o sobrinho estão ali em paz. Adão não gostará muito da ideia e lembrará que no passado ela já tentou um pacto de paz, que acabou terminando em mais morte e alega que só terá sossego na vida quando acabar com a raça dos Matheus.

Amadeu entrará na conversa novamente e avisará que a intenção é justamente essa, acabar com essa guerra, mas Adão alega que poderá acabar com o advogado e também com seu sobrinho, avisando que ele já pode começar a rezar porque acabará com ele naquela hora mesmo. Amadeu não se intimidará e dirá que morre de cabeça erguida. Rael já coloca a mão em sua arma e o clima esquenta porque Chiclete também pegará seu revólver e vai avisando que ninguém matará seu pai e se que alguém atirar, ele acaba com os Matheus.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Novelas Televisão

Maria da Paz impede mais um banho de sangue

A boleira logo dará um basta na discussão, antes que comece mais uma matança entre às duas famílias. Maria da Paz avisa a Adão que ele não matará Amadeu e diz que se quiser atirar, terá que ser nela primeiro. O sujeito ordena que ela saia da frente e Evelina também diz para a filha não se arriscar, pois, pode levar um tiro.

A empresa alega que conversou com Amadeu e aceitou promover a reunião com todos para que seja feito um pacto de paz e que jamais irá concordar que o ex caía em uma emboscada e, seja assassinado. Em seguida, ela manda Adão atirar nela primeiro, se quiser matar Amadeu.

Clima esquenta em 'A Dona do Pedaço'

Maria da Paz avisará a todos presentes na reunião que eles foram até ali por causa da palavra dela e que se alguém for morrer pela traição, será ela. Adão fica revoltado ao ser chamado de traidor e continua com a arma apontada para a boleira, que segue protegendo Amadeu."Atira, atira em mim antes de atirar no Amadeu", dirá a empresária disposta a morrer pelo ex-noivo.

Adão não ficará intimidado e retrucará, afirmando que atira sim, mas Evelina grita para que ele não mate a filha dela.

Adão avisa que matará Maria da Paz só pelo fato dela tentar proteger Amadeu e quando ele se prepara para puxar o gatilho, começa a tremer e passa mal.

Antes de cair, Adão chegará a disparar, mas não acertará ninguém. Maria da Paz chamará uma ambulância, mas o sujeito morrerá antes mesmo de chegar ao hospital.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo