Nesta quarta-feira (10), Antônia Fontenelle usou seus Stories do Instagram para comemorar sua vitória judicial contra as filhas do seu falecido marido, Marcos Paulo. A atriz lutava na Justiça pelo direito legal de ser reconhecida como esposa do ator, já que não era casada com o ator no papel. Ao comemorar, Fontenelle não conteve a emoção e foi às lágrimas. A loira diz que seu advogado ligou para ela para informar que finalmente ela ganhou a batalha judicial contra Mariana, fruto do relacionamento do ator com Renata Sorrah, e Giulia Costa, de seu relacionamento com Flávia Alessandra.

A atriz diz que sua vitória veio merecidamente, após sete anos de "esculacho". "É um ganho moral", disse. Fontenelle também ressalta que esta é a terceira vez que foi reconhecida como esposa do ator e diretor. "Foi por unanimidade", explicou.

A atriz também aproveitou o momento de emoção para passar força para as mulheres brasileiras, dizendo para que elas não desistam nunca de seus direitos, e nem deixem ninguém as esculacharem.

"Nunca abaixem a cabeça para ninguém", aconselha a famosa, que completa dizendo que o Brasil tem, sim, Justiça.

Vale ressaltar, que Fontenelle já havia ganho na Justiça por duas vezes, uma em 2014 e outra em 2018. No entanto, as filhas do diretor recorreram das decisões judiciais. Agora, Antônia foi declarada oficialmente como uma das herdeiras do famoso.

Segundo informações passadas por Adailton Rodrigues, advogado da atriz, a decisão tomada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro ainda é passível de recurso. No entanto, as chances das filhas do ator ganharem a causa é cada vez menor.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos

Antônia posta vídeo no Instagram

Depois de comunicar sua vitória nos Stories, a atriz publicou um vídeo em seu feed do Instagram com a legenda: "respeita a minha história". Após postar o vídeo, a famosa retornou aos seus Stories para desabafar e pediu para que seus seguidores entendessem o vídeo com um grito de alguém que estava há muitos anos sendo esculachada e menosprezada.

Como tudo começou

A briga judicial teve início em 2013, depois que Marcos Paulo deixou uma carta que garantia a Fontenelle 60% de todos os seus bens e investimentos.

No entanto, o ator não reconheceu o documento em cartório, dando início a uma burocracia. Após ter conhecimento da carta escrita por seu pai, Mariana junto com Flávia Alessandra, representante de Giulia, entraram na Justiça pedindo o bloqueio de todas as contas do diretor. Além de pedirem também a proibição de Fontenelle de entrar na mansão de Marcos, onde o ator morou até o momento de sua morte.

Recorrendo na Justiça, Fontenelle ganhou as duas fases iniciais do processo, mas as filhas de Marcos recorreram da decisão judicial, esticando o processo até 2019.

Vale ressaltar que Antônia e Marcos viveram juntos por seis anos. Hoje, a herança do diretor gira em torno dos R$ 30 milhões.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo