No último domingo (25), a cantora Anitta resolveu as redes sociais para cobrar o presidente da república, Jair Bolsonaro (PSL-RJ). A cantora foi até as redes do presidente e deixou um comentário em uma postagem realizada por ele há 4 dias. A postagem em questão, entre outras coisas, destacava a suspensão de um edital que continha séries LGBT produzidas para a TV pública.

Durante o seu comentário, Anitta questionava o motivo para que o aviso a respeito da suspensão fosse feito em tom de comemoração, especialmente quando considerada a situação atual da Amazônia.

Ainda a respeito da censura das séries LGBT, a cantora destacou que chegou a conversar com algumas pessoas favoráveis ao governo, e que, inclusive, votaram em Bolsonaro, e, ao realizar pesquisas a respeito do assunto, não conseguiu compreender como suspender o edital pode ser considerado uma medida positiva.

Anitta também aproveitou para questionar se todas as postagens de Bolsonaro na rede social são feitas realmente pelo presidente da República. De acordo com ela, após conversar com alguns eleitores do presidente, ela acabou descobrindo que todas as medidas do governo são explicadas por Bolsonaro em uma live, que acontece uma vez por semana.

Entretanto, ela ainda destacou que outros eleitores do presidente destacaram que as séries LGBT podem ter sido cortadas devido ao conteúdo de “baixo nível”, que outros afirmaram ser para diminuir os gastos públicos e também foi possível destacar algumas pessoas que não souberam ponderar sobre uma razão para o corte.

Anitta, porém, também apontou que caso o corte de verbas seja a alternativa correta, o presidente deveria se referir a todo o conteúdo cortado em sua postagem e não apenas à comunidade LGBT.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Jair Bolsonaro

Acusações de homofobia

Ainda durante o seu comentário, Anitta afirmou que durante toda a campanha eleitoral de 2018, o presidente da República foi chamado de homofóbico, fazendo com que Boslonaro negasse a acusação. Porém, para a cantora, a menção exclusiva às séries LGBT sem prestar maiores esclarecimentos acerca do motivo faz com que a postagem do presidente transmita a ideia de banimento de todo o conteúdo LGBT.

Por fim, Anitta também aproveitou a ocasião para mencionar que a postagem a respeito do edital de séries lhe causou estranhamento por ter sido feita em meio ao escândalo da Amazônia, que tomou proporções internacionais.

Ela ainda destacou que espera que outros setores governamentais estejam trabalhando nessa questão, mas que embora procure um lado positivo para olhar, não consegue encontra-lo.

Ela também destacou que não pretendia ser desrespeitosa, uma vez que estava se dirigindo ao presidente do Brasil, mas que ela desejava realmente compreender as posturas de Bolsonaro, caracterizadas como contraditórias por ela.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo