Na última quarta-feira (27), a atriz Cacau Protásio sofreu racismo por parte dos bombeiros de um quartel no Rio de Janeiro. Na ocasião, a atriz estava no local citado para gravar algumas cenas do filme "Juntos e Enrolados". Devido ao ocorrido, vários Famosos passaram a veicular mensagens de apoio a Cacau em suas redes sociais.

Entre os famosos, destaca-se o ator Luis Lobianco, que trabalha com Cacau há 5 anos. Durante uma postagem em suas redes sociais, o ator destacou que os seus personagens, Teresinha e Reginel, vivem uma “paixão ardente e platônica” e que na vida real o seu sentimento por Cacau é um “amor de amigo”.

Na sequência Luis elogiou as várias qualidades da amiga, como a sua inteligência e honestidade, além de afirmar que a atriz possui brilho próprio, capaz de fazer com que os que estão ao seu redor se recolham para deixar que ela continue brilhando.

Ainda durante a sua fala, o ator destacou que ele poderia discutir muito sobre como o racismo, a gordofobia, a misoginia e a homofobia são errados. Entretanto, todo mundo sabe disso e ele prefere conservar a fé de que o episódio vivido por Cacau não passará sem uma punição adequada para os responsáveis.

O ator ainda destacou que o racismo é um crime previsto na Constituição brasileira e que o Corpo de Bombeiros, enquanto instituição, não pode aceitar um comportamento como esse.

Outros famosos

Emanuele Araújo, que também integra o elenco do filme gravado por Cacau quando as ofensas racistas aconteceram, saiu em defesa da colega de trabalho.

Nesse sentido, a atriz afirmou que se sente orgulhosa por trabalhar ao lado de Cacau Protásio e Luis Lobianco e que sente muito por pessoas tão distantes de toda a luz que a atriz emana existirem no mundo.

Ainda durante a sua fala Emanuele afirmou que ama estar no set ao lado da colega de trabalho e que é grande fã do trabalho de Cacau.

O ator Marcos Pasquim também não deixou o caso passar batido e destacou que Cacau é talentosa e possui quase 20 anos de carreira, além de ser guerreira e alguém que merece todo o respeito do mundo.

O ator ainda pontuou que episódios de racismo não devem ser tolerados, visto que são criminosos e afirmou que toda a sua solidariedade está com a atriz nesse momento.

A cantora Zélia Duncan também comentou sobre o caso e destacou que a primeira vez que prestou atenção no trabalho de Cacau Protásio foi há 7 anos, quando a atriz interpretava Zezé em "Avenida Brasil".

De acordo com a cantora desde essa ocasião ela está sempre procurando por Cacau na TV e ao encontrá-la sempre se surpreende com o seu talento.

Por fim, a cantora afirmou que Cacau representa a vitória das mulheres negras.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!