Gloria Maria, que passou por uma cirurgia no cérebro na última segunda-feira (12), falou pela primeira vez sobre o momento delicado em que viveu. Em entrevista ao portal Glamurama, a apresentadora da Rede Globo contou que esteve "no olho do furacão" desde que passou mal em casa e bateu com a cabeça. O tumor foi descoberto após exames médicos e a artista precisou ser operada com urgência.

A descoberta da lesão no cérebro

Bastante ativa e exemplo de uma vida saudável, Gloria Maria pegou muita gente de surpresa ao ser internada no hospital CopaStar, na zona sul do Rio de Janeiro, e precisar se submeter a uma cirurgia cerebral.

Tudo aconteceu após a apresentadora bater com a cabeça durante uma queda e precisar ser medicada. Hospitalizada, a global tratou do ferimento e passou por exames mais profundos, que acabaram detectando o tumor.

Segundo o jornalista Leo Dias, Gloria Maria até tentou esconder seu real estado de Saúde, alegando que esteve no hospital apenas por conta da queda que ocorreu em sua residência. Porém, após o anúncio na imprensa de que a apresentadora precisaria passar por cirurgia no cérebro, o CopaStar acabou emitindo uma nota confirmando a real situação de Gloria.

O comunicado informou sobre o mal-estar que a jornalista teria sentido em casa e os exames de ressonância magnética aos quais teria sido submetida. Confirmando a lesão expansiva cerebral, a unidade de saúde disse que Gloria havia sido operada e que o tumor teria sido totalmente removido. "Ela passa bem", finalizou a nota emitida pelo hospital.

Previsão de alta

Ainda no CTI e com previsão de alta para esta quinta-feira (14), Gloria Maria segue se recuperando e já teria conversado com amigos próximos, conforme noticiou o site Purepeople.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Saúde

Ao Glamurama, a jornalista abriu o jogo ao comentar o que teria vivido. “Estive no olho do furacão, num terremoto”, desabafou a artista.

A revista Quem conversou com o neurocirurgião Carlo Emanuel Petitto e abordou sobre tumores cerebrais como o de Gloria Maria. Segundo o médico, os sintomas mais comuns estão ligados a hipertensão intracraniana, devido ao crescimento da lesão e o espaço reduzido entre o cérebro e o crânio.

Dor de cabeça associada a náusea e vômito, vertigem e tontura são alguns dos sinais da doença.

Em estados mais avançados pode haver embaçamento da vista, estrabismo e visão dupla e até crises convulsivas, conforme destacou o neurocirurgião.

Sobre seu trabalho na Rede Globo, como apresentadora do "Globo Repórter", ainda não foi informado quando a jornalista retomará suas funções na emissora. Empresários da artista informaram que não se pronunciaram sobre o caso, uma vez que a assessoria de Gloria seria feita pela TV Globo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo