Nesta última terça-feira (3), a cantora Anitta usou o seu stories no Instagram para poder comentar de um assunto que está sendo muito discutido nas redes sociais.

Ela comentou da morte de nove jovens durante uma ação da Polícia Militar, que aconteceu na comunidade de Paraisópolis, em São Paulo. A ação da PM aconteceu durante o baile da 17, muito conhecido na comunidade há anos.

Ao longo dos vídeos, Anitta ressaltou que a situação toda poderia, há alguns anos, ser com ela e com a sua família. "A única coisa que consigo pensar é que se fosse há uns anos, poderia ter sido eu, minha mãe e meu irmão", disse.

Anitta comenta ação da polícia

A cantora ainda aproveitou para poder falar da ação da polícia, que está sendo muito criticada. Ela também teceu críticas da forma como a ação se sucedeu. A cantora ressaltou que mesmo que tivesse presença de drogas ilícitas e criminosos no local no momento do baile, não era justificável a forma como os policiais agiram entrando na comunidade tiros.

Ela ainda criticou o fato, apontando que se fosse um festival muito conhecido e respeitado, os policiais certamente não teriam a mesma atitude de entrar atirando no local.

Anitta, apesar das críticas, alegou que respeita e dá valor a profissão dos policiais, mas não concordou com a ação.

O tumulto que aconteceu durante a ação da PM em Paraisópolis, durante o baile da 17, acabou causando a morte de 9 jovens, e outros 12 ficaram feridos na comunidade.

A ação toda aconteceu durante a madruga do domingo (1). Sobre a confusão, os policias alegaram que entraram na comunidade perseguindo dois homens que estavam em uma moto.

Eles entraram no baile para poder fugir dos policiais, mas foram perseguidos por eles no local.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Polícia

A versão que foi dada pela PM foi de que os homens que entraram no local, foram que iniciaram os disparos contra a polícia. Eles que estavam em meio à multidão, e começaram a disparar contra os policiais.

No entanto, a versão que foi dada pelos frequentadores do local é de que os policiais que começaram toda a ação jogando bombas de gás no local, e gerando toda a confusão. As duas versões estão sendo investigadas no momento pelos responsáveis pelo inquérito, mas ainda não se tem nenhuma conclusão.

Os moradores também relatam que durante todo o tumulto muitas pessoas foram agredidas pelos policiais, que usaram cassetete para isso. A ação toda ainda está sendo investigada através de um inquérito aberto para avaliar o caso.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo