Com a proximidade da reta final de "Bom Sucesso", novela exibida pela Globo na faixa das 19h, algumas coisas começarão a se acertar. Entre elas, Alberto (Antonio Fagundes) conseguirá tirar a sua editora das garras de Diogo (Armando Babaioff) após provar que o ex-genro não era o autor de O Satanás Burlesco, e sim Eric Feitosa (Jonas Bloch).

Uma vez que a fraude do ex-marido de Nana (Fabíula Nascimento) ficar comprovada, ele será retirado da presidência da Prado Monteiro e, então, Alberto vai assumir novamente o cargo que sempre foi seu. Na ocasião, ele fará um discurso bastante emocionado para os seus funcionários.

Ao retornar à editora, Alberto dirá aos seus empregados que é durante as dificuldades que os verdadeiros amigos se tornam mais claros, bem como as verdadeiras lealdades. Ele ainda dirá que em ocasiões como essas é que se vê quem estará ao seu lado em todas as situações e destacará que os funcionários da Prado Monteiro são “soldados da cultura”, assim como da arte e do conhecimento.

Posteriormente, o editor agradecerá a todos os que permaneceram ali durante os “tempos sombrios” em que Diogo esteve à frente do negócio de sua família e também a todos que o ajudaram a vencer o ex-genro, retirando-o da empresa.

A recepção do discurso será bastante positiva, e Alberto será ovacionado por todos os funcionários de sua editora.

Na ocasião, Marcos (Rômulo Estrela) estará presente e aproveitará para fazer um discurso de agradecimento aos funcionários por terem conseguido suportar Diogo na presidência enquanto as coisas se resolviam.

Destacando o papel fundamental de alguns funcionários para a queda do ex-marido de Nana, o playboy ainda dirá que a ação deles foi crucial para que as provas que de O Satanás Burlesco não pertencia a Diogo fossem encontradas e encaminhadas à Justiça.

Mais sobre a reta final de 'Bom Sucesso'

Nem todos os acontecimentos da última semana de "Bom Sucesso" serão positivos. Após perder a editora e todo o seu dinheiro, Diogo perceberá que não existe mais motivos para que ele se controle em seu plano de vingança.

Essa situação será potencializada depois que o atentado contra Paloma (Grazi Massafera) falhar e ele acabar descobrindo a traição de Gisele (Sheron Menezzes), que estava passando informações sobre os seus planos para Marcos e ajudando o filho de Alberto a conseguir prevenir que os seus familiares fossem mortos por ele.

Tudo isso levará o vilão a surtar. A partir desse ponto, Diogo decidirá trancar todos os seus inimigos na editora Prado Monteiro e atear fogo no prédio, de modo que todos morram juntos. Estarão presentes no incêndio, além do vilão, Gisele, Alberto, Marcos, Nana, Paloma e Mario (Lucio Mauro Filho).

Siga a página Novelas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!