Rachel Sheherazade, âncora do "SBT Brasil", o principal programa do segmento na emissora, está sempre comentando os mais diversos assuntos em suas redes sociais. Entretanto, recentemente a jornalista passou a enfrentar algumas ameaças bastante pesadas devido ao seu posicionamento. Algumas pessoas chegaram ao extremo de ameaçar Raquel de morte.

Devido a esses fatores, durante uma entrevista à coluna do Leo Dias, que faz parte do site UOL, Rachel Sheherazade revelou que foi ameaçada ao fazer críticas aos carcereiros do Pará. A polêmica envolvendo o sistema prisional do estado citado chegou a tal ponto que a jornalista precisou fazer uma pausa em suas atividades no YouTube, plataforma na qual possui um canal.

Além disso, o seu posicionamento acabou gerando várias ações judiciais, o que ela percebe como uma tentativa de fazer com que ela se cale e pare de manifestar as suas opiniões sobre os mais variados assuntos.

Mais detalhes a respeito da entrevista, entretanto, não foram fornecidos pelo site em forma de texto. De acordo com o UOL, a entrevista de Rachel Sheherazade com Leo Dias foi produzida para o formato de podcasts e faz parte da série "UOL Entrevista", que foi lançada ainda durante o mês de junho de 2019.

Como acessar a entrevista de Rachel Sheherazade

Caso você deseje saber como acessar o conteúdo da entrevista, é válido destacar que o podcast está disponível em canais oficiais do UOL, como o do YouTube, onde pode ser escutado na íntegra e sem qualquer tipo de cobrança.

Entretanto, ainda existem outros meios de ter acesso à entrevista com Rachel Sheherazade. Porém, eles estão condicionados à assinatura de um serviço de streaming, visto que a entrevista também foi disponibilizada na sessão de podcasts de serviços como Spotify e também no Apple Podcast. O UOL não chegou a informar se serviços como o Amazon Music e o Deezer contam com a entrevista.

Para além da entrevista citada, ainda é possível consumir outros conteúdos do tipo, feitos pelo UOL, por meio dos canais citados até o presente momento. Além disso, a plataforma ainda conta com outros podcasts interessantes, como o "Ficha Criminal" e o "Baixo Clero".

Se você não sabe do que se trata um podcast, é válido pontuar que eles se assemelham aos programas de rádio.

Entretanto, devido ao fato de que são disponibilizados em plataformas de streaming e não estão condicionados a uma programação pré-definida, podem ser escutados em qualquer hora, em qualquer lugar e por meio de qualquer dispositivo compatível, desde que se tenha um dos aplicativos citados (YouTube, Spotify e Apple Podcasts) instalado.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!