Na última terça-feira (4), a novela "Amor de Mãe" continuou a crescer em termos de audiência. O folhetim de Manuela Dias, que teve um começo difícil em termos de números, está se consolidando no Ibope quando se pensa a Grande São Paulo.

Na data citada, por exemplo, a trama das 21h chegou a registrar 32,9 pontos, o que representa o seu melhor índice desde a sua estreia, que aconteceu ainda no dia 25 de novembro de 2019. Na ocasião citada, "Amor de Mãe" marcou 35,4 pontos.

A intensidade dos capítulos exibidos ao longo dessa semana desempenhou um papel fundamental para esse crescimento. Por exemplo, o casamento entre Danilo (Chay Suede) e Camila (Jéssica Ellen) foi transmitido pela Globo e contou com várias emoções.

Determinada a impedir que os dois ficassem juntos, mas sem querer expor a sua opinião publicamente, Thelma (Adriana Esteves) chegou a roubar as alianças compradas pelo filho, para não deixar que eles oficializassem a união.

Entretanto, Jana (Isabel Teixeira), amiga da comerciante e a única pessoa que sabe o que ela realmente pensa, conseguiu convencer a mãe de Danilo a devolver os anéis para que o jovem pudesse levar adiante o seu casamento.

Contrariada, Thelma acabou cedendo aos pedidos de Jane, mas não sem se mostrar completamente insatisfeita com a situação, visto que Camila não pode mais ter filhos e ela deseja desesperadamente ter um neto antes de morrer.

Além da felicidade do jovem casal, essa semana em "Amor de Mãe" ainda contou com a queda de Álvaro (Irandhir Santos), um dos personagens mais odiados pelo publico do folhetim e uma espécie de vilão da trama das 21h.

Nesse sentido, é possível destacar que o personagem sofreu graves impactos em várias frentes diferentes.

Queda de Álvaro em 'Amor de Mãe'

Em um nível pessoal, o empresário corrupto acabou descobrindo que não é pai de Álvaro Júnior, o seu filho com Verena (Maria). A partir disso, ele chegou a questionar a mulher sobre a verdadeira identidade do pai do garoto e sobre uma suposta traição, mas ao ouvir o relato dela sobre o abuso que sofreu na noite em que Genilson (Paulo Gabriel) morreu, Álvaro acabou expulsando a jovem de casa com o filho nos braços.

Para além da sua vida pessoal, Álvaro ainda precisou se encontrar com Vitória (Taís Araújo), que foi sua advogada, mas decidiu rescindir o contrato por não concordar com as posturas pouco éticas do dono da PWA. Durante o encontro em questão, os dois tiveram mais um embate.

Por fim, focado na empresa, o vilão enrustido acabou vendo a sua licença ambiental suspensa.

O motivo para tal está ligado ao protesto feito por Davi (Vladmir Brichta), que chegou a ser hospitalizado em estado grave para provar que a PWA está matando a região de Guaporim com a poluição que joga no local.

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Relacionamento
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!