A última festa do "Big Brother Brasil 20" deu o que falar, e a polêmica rendeu desde a madrugada até o fim do último domingo (9), repercutindo dentro e fora do programa. Diversos nomes tiveram destaque, dentre eles o de Pyong Lee, que teve tentativas de engatar um romance, uma quase traição, além de três assédios, de acordo com a opinião dos internautas que acompanham o "BBB".

'BBB20' e as polêmicas de Pyong

Dentre os nomes que se destacaram e repercutiram por toda a madrugada está o do youtuber Pyong Lee, até então um dos mais queridos pelo público, que costumava atrair a atenção nas festas pelas danças divertidas que fazia.

Alcoolizado, o hipnólogo foi acusado de assediar ao menos duas mulheres. Marcela, a quem o coreano tentou beijar mais de uma vez ao longo da festa, reclamou da situação e pediu que ele parasse mais de uma vez. Em outra situação, o brother lambeu o seu pescoço, e alguns internautas acusam que ele teria encostado suas partes íntimas nela. Um pouco mais tarde, o brother apalpou Flayslane na festa do "BBB20".

Repercussão dos atos de Pyong

Ao longo de toda a confusão, influenciadores digitais se manifestaram. O youtuber Lucas Rangel, por exemplo, disse estar desapontado com o amigo, mas pediu que a web não fosse importunar a esposa de Pyong, Sammy, que está grávida.

Já Felipe Neto ressaltou que agora a máscara havia caído e que o que vimos foi apenas "3 cm do Iceberg".

Ao longo da repercussão negativa e das especulações que surgiram, Katherine Chaise, ex-namorada de Pyong, veio a público e ressaltou que nunca agrediu o hipnólogo enquanto tiveram um relacionamento, já que ela recebeu diversos ataques quando o brother afirmou que era agredido por uma ex-namorada enquanto se relacionava com a mesma.

Chaise ainda revelou que muitas pessoas estavam lhe mandando mensagens dizendo que uma ex-namorada a agredia, e salientou que o brother teve diversas outras namoradas, e não só ela. A moça ainda revelou que este caso que o brother citou foi durante a adolescência, e pediram que a deixassem em paz, pois o que viveram já haviam passado, e pediu que o público vivesse o momento.

A esposa de Pyong, Sammy Lee, também se pronunciou sobre o assunto por meio dos Stories do Instagram, já que diversos seguidores questionavam se a mesma não iria se pronunciar sobre o comportamento do marido ao longo da festa e também as acusações que sofreu.

Sammy disse que sabe que muitas pessoas esperam um posicionamento seu, e que ela agradece todo o carinho e todo o apoio que tem recebido ao longo de todo este período, mas que neste momento não desejava que energias exteriores ao momento que esta vivendo, a sua gravidez, influenciassem a sua energia e este momento que é tão marcante na vida de diversas mulheres.

'BBB20' e o pedido de desculpas de Pyong

Desde a madrugada de domingo (9), o coreano recebeu diversas críticas, e até mesmo pedidos de expulsão, comparando o ocorrido com o assedio ao qual Petrix havia sido acusado.

Em seu perfil oficial, a equipe de Pyong soltou um trecho de um vídeo em que o mesmo conversa com alguns dos participantes da casa para saber o que achavam da situação, momento em que os mesmos o tranquilizaram quanto ao que havia ocorrido.

No dia seguinte ao ocorrido, a produção do programa foi conversar com Pyong, e repreendeu o mesmo por como havia se comportado na festa e também para salientar o posicionamento da emissora tendo em vista as acusações.

E na tarde desta segunda-feira (10), reproduziu o pedido de desculpas ao público e a amada feitos pelo hipnólogo quando foi conversar com a produção.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!