Há cerca de quatro anos, um filme sobre a vida de Roberto Carlos chegou a ser anunciado. Entretanto, a produção nunca saiu do papel e o principal motivo para o atraso do seu lançamento foi o roteiro, que precisou ser refeito.

A primeira versão da cinebiografia do Rei foi escrita por Nelson Motta e Patrícia Andrade. Essa versão, porém, não foi aprovada por Roberto Carlos. Posteriormente, Glória Perez assumiu o projeto, uma vez que o cantor já se declarou fã da autora de novelas. Assim, é possível destacar que Glória acabou aceitando o projeto a pedido do próprio Roberto.

Entretanto, apesar de gostar dos trabalhos da escritora para a TV, Roberto Carlos ainda não ficou satisfeito com a forma como ela contou a sua vida.

Dessa forma, o roteiro do filme precisou passar por mais uma reescrita, na qual as ideias de Glória Perez chegaram a ser utilizadas. Contudo, os autores serão a primeira dupla contratada: Patrícia será a responsável por escrever e Nelson vai supervisionar. De acordo com informações do jornal Extra, Glória Perez receberá créditos como supervisora de conteúdo.

Segundo o jornal citado, no presente momento, o filme sobre a vida de Roberto Carlos se encontra em fase de pré-produção. Além disso, o elenco está sendo selecionado.

De acordo com Dody Sirena, o empresário do Rei (e o diretor executivo do filme), um ator para interpretar o cantor jovem está sendo procurado pela produção e os requisitos são semelhança física e alguma noção de canto.

O empresário chegou a compartilhar a chamada de elenco em sua conta no Instagram.

Outras informações sobre o filme

Como o filme ainda está em um estágio muito inicial, não se tem grandes informações sobre o recorte da biografia de Roberto Carlos que será utilizado, sobre onde ele será filmado ou então sobre quem serão os atores escalados para a produção.

Entretanto, alguns outros detalhes, além do roteiro, foram divulgados pelos envolvidos no projeto. Já se tem, por exemplo, o nome do diretor do filme, Breno Silveira. A escolha de Breno foi feita diretamente por Roberto Carlos.

É válido citar que o fator que motivo ou Rei a convidar o diretor para participar do filme em questão está ligado à admiração que Roberto sente pelo trabalho de Bruno Silveira em cinebiografias.

Entre os trabalhos de Breno consta o filme Dois filhos de Francisco, o seu mais famoso e lucrativo, do qual Roberto Carlos é fã assumido.

Porém, fazer com que o diretor aceitasse participar do projeto não foi uma tarefa fácil e, de acordo com o Extra, Breno precisou ser convencido de que o projeto valeria a pena para ele. O diretor sentia receio de que todas as exigências feitas por Roberto Carlos acabassem por atrapalhar o seu processo criativo.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Cinema
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!